ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

A língua portuguesa é estratégica e há compromisso no reforço da cooperação
Revista PORT.COM • 01-Nov-2018
A língua portuguesa é estratégica e há compromisso no reforço da cooperação



Da visita da secretária de Estado resultou, para já, um forte compromisso de reforçar a cooperação entre os dois países. Teresa Ribeiro foi conhecer os projetos que têm sido desenvolvidos naquele âmbito e esteve também com os inúmeros participantes das mais variadas áreas que frequentam cursos de língua portuguesa.

A secretária de Estado dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação deslocou-se oficialmente, no passado mês de outubro, a Timor-Leste, onde manteve encontros de trabalho ao mais alto nível com o Presidente da República, presidente do Parlamento, primeiro-ministro e diversos membros do Executivo timorense responsáveis por áreas de tutela relevantes para a cooperação bilateral, resultando o firme compromisso de reforçar a cooperação entre os dois países.

Teresa Ribeiro destacou também a importância que a língua portuguesa pode ter no acesso ao mercado global. «A língua portuguesa é uma língua global, pluricontinental e uma língua que, em Timor-Leste, foi uma língua de resistência e, hoje, é uma língua de independência que permite a sua afirmação regional e favorece também a sua integração à escala global», afirmou a secretária de Estado, numa cerimónia que decorreu na Escola Portuguesa na capital timorense.

Considerando que falar português é uma mais-valia na empregabilidade dos jovens timorenses, Teresa Ribeiro aproveitou a sua visita a Timor-Leste para conhecer os formandos de vários cursos de língua portuguesa, envolvendo militares, jornalistas e funcionários da delegação da União Europeia em Díli.

Formação em Língua portuguesa para jornalistas

Acompanhada pelo Embaixador de Portugal em Díli, Teresa Ribeiro e o secretário de Estado para a Comunicação Social de Timor-Leste fizeram entrega de 102 diplomas a jornalistas que frequentaram o projeto Consultório da Língua para Jornalistas, obtendo certificados comprovativos do seu nível de proficiência em língua portuguesa e assinalaram a relevância e empenho no ensino do português naquele país, tendo sido reiterado o compromisso mútuo na continuação da formação em língua portuguesa dos profissionais de comunicação social timorense.

O Consultório da Língua para Jornalistas é um projeto financiado pela cooperação portuguesa para prestar formação aos profissionais de comunicação social timorenses, com vista ao aumento da literacia mediática e acesso à informação por parte dos cidadãos.

 

Leia o artigo na íntegra na edição de novembro da Revista PORT.COM.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Macau: uma oportunidade ainda a descobrir
Alberto Carvalho Neto
Presidente da AJEPC
A importância da participação eleitoral nas comunidades
José Luís Carneiro
SECP
4 pilares para a prevenção de Alzheimer
George Perry
Diretor da Fac. de Ciências da Univ. do Texas
DISCURSO DIRETO
A preservação da memória e identidade da emigração portuguesa na toponímia
Daniel Bastos, Historiador
PORTUGAL
Portugal a votos
José Caria, Diretor-Adjunto da PORT.com
PORTUGAL
Lusos em Luanda
Jack Soifer, Consultor Internacional
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ