ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Seis lusodescendentes na corrida ao Congresso dos EUA
Revista PORT.COM • 07-Nov-2016
Seis lusodescendentes na corrida ao Congresso dos EUA



Se o resultado das eleições replicar o que as sondagens indicam, Portugal será representado na Câmara dos Representantes por três lusodescendentes Republicanos e nenhum Democrata, algo que nunca aconteceu.

Cinco políticos lusodescendentes concorrem à Câmara dos Representantes dos Estados Unidos e um concorre ao Senado na próxima eleição de 8 de novembro.

Na Califórnia, os republicanos David Valadão e Devin Nunes procuram ser reeleitos para a Câmara dos Representantes, bem como o Democrata Jim Costa, que defronta outro descendente de açorianos, Johnny Tacherra. No estado de Nova Iorque, David Martins concorre para congressista pela primeira vez, depois de ser senador estadual pelos republicanos.

No Senado, Pat Toomey, que é neto de imigrantes açorianos, é o único lusodescendente na corrida à câmara alta do Congresso dos EUA. Toomey, que foi congressista pelo estado da Pensilvânia por três mandatos, entre 1999 e 2005, termina agora o seu primeiro mandato de seis anos como senador.

Toomey tem um caminho difícil para a reeleição: depois de meses virtualmente empatado com a candidata democrata, Katie McGinty, a última sondagem, de 1 de novembro, mostra McGinty com uma vantagem de 47 pontos para os 35 de Toomey.

Devin Nunes, o lusodescendente mais bem colocado no Congresso, onde lidera o Comité dos Serviços de Informação, nunca comentou a candidatura de Donald Trump, mas disse que votaria na escolha do seu partido. Nunes, que defronta Louie J. Campos, lidera as sondagens e deve ser reeleito para o 22o distrito.

O mesmo acontece com David Valadão, que anunciou que não vai votar em Donald Trump ou Hillary Clinton, e que lidera nos estudos de opinião contra o candidato latino Emilio Huerta, apesar de 71 por cento dos eleitores do seu distrito, o 21o, terem origem latina.

Ainda na Califórnia, Johnny Tacherra enfrenta, pela terceira vez consecutiva, o lusodescendente Jim Costa na corrida pelo 16o distrito da Califórnia. Costa é eleito por este distrito desde 2004 e derrotou o republicano Tacherra em 2012 e 2014. Nas últimas eleições, no entanto, apenas 1319 votos separaram os dois candidatos, na corrida mais renhida de toda a costa leste. Dois anos depois, segundo a última sondagem, de 15 de outubro, o republicano segue agora na frente, com uma liderança de oito pontos.

Em Nova Iorque, Jack Martins quer representar o 3.º distrito depois de três mandatos como senador estadual. Durante o mês de outubro, recuperou de uma desvantagem nas sondagens superior a dez pontos para o democrata Thomas Suozzi e está agora dentro da margem de erro.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Portugal hoje, um país que incentiva ao regresso
Paulo Pisco
Deputado do PS eleito pelos portugueses na Europa
De olhos postos em África com uma estratégia de futuro
Peter Dawson
Presidente do grupo Garland
Não há tempo para se perder tempo!
Vítor Ramalho
Secretário-Geral da UCCLA
DISCURSO DIRETO
O português que ajudou a 'erguer' as memórias do World Trade Center
Luís Mendes, arquiteto
ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA
«Mobilidade no espaço da lusofonia é um dos maiores desafios»
Teresa Ribeiro, SENEC
PORTUGAL
The last man on the moon
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ