ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Marcelo apela à inscrição das crianças no ensino do português
Revista PORT.COM • 24-Mai-2017
Marcelo apela à inscrição das crianças no ensino do português



Presidente da República chegou na segunda-feira ao Luxemburgo e, acompanhado pelo Grão-Duque do Luxemburgo, deu um passeio a pé pela “Corniche” na cidade. "Há portugueses em todas as esquinas", comentou Marcelo enquanto percorria as ruas a distribuir beijos e a tirar 'selfies', desafiando a capacidade de improviso dos seguranças.

No primeiro dia da visita de Estado ao Luxemburgo, o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, apelou aos portugueses no Luxemburgo para que inscrevam os filhos nas aulas de português e que se registem para votarem nas eleições municipais luxemburguesas de junho.

"Apelo aos portugueses para que inscrevam os seus filhos no ensino que foi recriado com um acordo entre os dois governos", disse Marcelo Rebelo de Sousa, em declarações aos jornalistas.

O ensino complementar, fora do horário escolar, foi já criticado por representantes da comunidade portuguesa no Luxemburgo, por considerarem que os pais não têm condições de vida que lhes permitam levar os filhos a estas aulas, o que não acontecia quando a oferta era no ensino integrado e os alunos estavam na escola.

O Presidente apelou ainda à participação eleitoral dos portugueses, considerando que "é incompreensível que uma população como a da comunidade portuguesa aqui esteja sub-representada em termos de recenseamento e de votos nas eleições locais" luxemburguesas.

"É dispor, a comunidade, de um instrumento de afirmação política e cívica e não o utilizar e isso é uma pena, votem como votarem, mas não deixem de se interessar pela vida de uma comunidade em que têm um papel tão importante", disse o Presidente.

Questionado sobre se o Luxemburgo pode ser um exemplo para Portugal devido ao seu desempenho económico, que se traduz na mais baixa dívida pública e em excedente orçamental, o Presidente referiu que Portugal tem aprendido com as relações recíprocas e destacou a "colaboração científica, tecnológica, económica e financeira crescentes e o apelo para mais investimento luxemburguês".

No primeiro dia da visita de Estado ao Luxemburgo, o Presidente foi recebido com honras de Estado pelos grão-duques Henrique e Maria Teresa, mas acabou por furar o protocolo para se dirigir às barreiras de segurança e cumprimentar alguns portugueses.

Após um encontro com o Grão-duque, Marcelo Rebelo de Sousa foi depositar uma coroa de flores no Monumento Nacional da Solidariedade Luxemburguesa e fez um passeio a pé na Corniche, no centro da cidade do Luxemburgo, parando também para cumprimentar portugueses que o abordavam pelo caminho.

O Presidente termina hoje a visita de Estado e continua a deslocação ao Luxemburgo amanhã, a título privado, para participar na 50.ª peregrinação à Nossa Senhora de Fátima, em Wiltz, a cerca de 65 quilómetros da capital luxemburguesa, e para contactos com a comunidade portuguesa.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Joe Silvey, um pioneiro da sociedade multicultural no Canadá
Daniel Bastos
Historiador
Sejam muito bem-vindos. Os Açores contam consigo!
Vítor Fraga
CEO da SDEA
As comunidades e a limpeza das matas
Paulo Pisco
Deputado do PS
DISCURSO DIRETO
Angola aqui e agora
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
«A lusofonia é o instrumento privilegiado de afirmação dos povos»
Vitor Ramalho
PORTUGAL
«Apostou-se muito no combate e pouco na prevenção»
Miguel Freitas
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ