ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Comunidade portuguesa está 'complacente' quanto ao impacto do Brexit
Revista PORT.COM • 19-Fev-2018
Comunidade portuguesa está 'complacente' quanto ao impacto do Brexit



A comunidade portuguesa está 'complacente' quanto ao Brexit e deveria participar em mais eventos para recolher informação, avisou o vereador que representa o 'Little Portugal' de Londres.

Segundo Guilherme Rosa, vice- mayor' e vereador da área de Stockwell, no município londrino de Lambeth, "é importante mobilizar as pessoas porque há muita gente da nossa comunidade que está complacente relativamente a esta questão do Brexit".

"Obviamente, não vai ser o fim do mundo, as pessoas não vão ser deportadas, não lhes vai cair o céu em cima. Mas as pessoas podem perder alguns direitos, podem ser acossadas no dia-a-dia e há um certo número de pequenos assuntos e questões que obrigam as pessoas a estarem atentas, a estarem unidas, arregimentadas em grupos como o 'Lambeth for Europe', no sentido de contestar o processo e de zelar pelo seu interesse", enfatizou à agência Lusa.

O político eleito pelo partido Trabalhista falava durante o evento que coorganizou no âmbito da campanha nacional 'One Day Without Us' [Um dia sem Nós], que pretende celebrar a contribuição dos imigrantes para o Reino Unido.

Realizado no Wheatsheaf Hall, um edifício histórico, teve várias mesas com material informativo e foi animado com música e outras atividades, incluindo uma prova de vinhos europeus.

A iniciativa teve o apoio do grupo 'Lambeth For Europe', um grupo de ativistas que se formou para fazer campanha pela permanência do país na União Europeia (UE) e que continua ativo numa área onde 79% dos eleitores votaram contra o Brexit.

Guilherme Rosa não escondeu a desilusão com a falta de participação da comunidade local, que tentou atrair visitando alguns cafés e distribuindo folhetos, sem sucesso.

"Eu acho que é um erro crasso, as pessoas devem participar", lamentou.

Uma das cerca de 20 pessoas portuguesas que aderiram ao apelo foi, curiosamente, Claudia Belchior, que viajou expressamente de Gloucester, a cerca de 170 quilómetros a oeste de Londres, uma viagem de mais de três horas.

"Acho que o Brexit será um dos acontecimentos que vai mais afetar a população europeia a viver no Reino Unido, nomeadamente a portuguesa, e pensei que iria haver mais adesão por parte da comunidade portuguesa a viver em Lambeth e vim aqui para estar perto da minha comunidade", disse.

Enquanto técnica de apoio social, tem assistido a atos de hostilidade a imigrantes e considera ser importante a presença em eventos como este.

"Há uma campanha de desumanização que tem tido algum impacto e precisamos de mostrar que temos um contributo positivo, que ser imigrante não é uma ameaça para ninguém", vincou Cláudia Belchior.

A presidente do município de Lambeth, Lib Peck, esteve presente e deu conta de uma série de instrumentos que a autarquia está a disponibilizar para apoiar os imigrantes durante o processo do Brexit, nomeadamente na candidatura ao estatuto de residente permanente. Disse que a zona conhecida hoje por 'Little Portugal, devido ao grande número de cafés, restaurantes e negócios portugueses, "seria irreconhecível" sem a comunidade que ali reside e trabalha.

"Acho que é importante manter o que Lambeth tem de bom, que é a enorme diversidade de pessoas. Eu sei que as pessoas, em particular a comunidade portuguesa, estão preocupadas com o que o futuro lhes vai trazer em termos de estatuto e direitos que vão ter. Por isso é importante enquanto autarquia darmos apoio e informação e contactar com a comunidade", justificou.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Mensagem de Natal para os leitores da revista PORT.COM
Marcelo Rebelo de Sousa
Presidente da República
Manaus, seiva d'ouro
Jack Soifer
Consultor Internacional
Oportunidade de encontro com o país e com uma região
José Luís Carneiro
Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas
DISCURSO DIRETO
Quo Vadis?
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
«Tinha o sonho de ter um hotel em NY e consegui concretizá-lo»
Alfredo Pedro, empresário
PORTUGAL
«A CPLP oferece um extraordinário e estratégico instrumento»
Secretária Executiva da CPLP
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ