ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Estatuto minoritário das empresas luso-americanas causa polémica nos EUA
Revista PORT.COM • 11-Mar-2018
Estatuto minoritário das empresas luso-americanas causa polémica nos EUA



O Tribunal Superior de Boston afirma, numa decisão, que as empresas de construção luso-americanas receberam, ilegal e injustamente, apoios de um programa estadual de obras públicas destinado a minorias.

A mesma decisão diz ainda que o oficial do estado que, em 2012, tentou retirar as empresas luso-americanas desse mesmo programa foi alvo de fortes pressões políticas “oriundas do gabinete do Governador” e de legisladores estaduais, incluindo o senador estadual luso-americano Michael Rodrigues.

Segundo uma notícia do The Herald News, essas pressões seriam no sentido de “manter a classificação dessas empresas dentro da categoria de negócios detidos por uma minoria”, o que lhes permitiria continuar a ter acesso facilitado a contratos para obras públicas.

Ao mesmo jornal, via telefone, Michael Rodrigues reconheceu que as empresas portuguesas foram classificadas arbitrariamente pelo Estado como empresas de propriedade minoritária. 

No entanto, o Senador Estadual disse também que um estudo recente sobre disparidade, encomendado no ano passado pelo governador Charlie Baker, revelou que as empresas de construção de propriedade portuguesa estavam a ser desprezadas e discriminadas ao solicitar contratos públicos.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
A Santa Casa da Misericórdia de Paris
Daniel Bastos
Historiador
Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades
José Cesário
Deputado
Ser português fora é ter Portugal dentro
Isabelle Coelho-Marques
Presidente da NYPALC
DISCURSO DIRETO
Portugal Maior
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
«Português é uma língua com valor universal»
Luís Faro Ramos, presidente do Instituto Camões
PORTUGAL
«A China está pronta para nos acolher»
José Augusto Duarte, Embaixador de Portugal na China
CHINA
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ