ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

imagem
Revista PORT.COM • 14-Abr-2018
Casa de Portugal em Timor-Leste 'defende os interesses da comunidade portuguesa'



A Casa de Portugal foi registada em Díli e é uma associação que nasce para 'defender e promover os interesses da comunidade portuguesa

Um grupo de portugueses e luso-timorenses, incluindo o ex-Presidente José Ramos-Horta, registou, no dia 11 de abril, em Díli, a Casa de Portugal, associação que nasce para “defender e promover os interesses da comunidade portuguesa” em Timor-Leste. Sem fins lucrativos e criada por um grupo inicial de 21 pessoas, a nova associação surge, segundo os estatutos, para zelar pela “preservação da identidade da comunidade e do seu património cultural, nomeadamente da língua e cultura portuguesas” e também para contribuir para o desenvolvimento de Timor-Leste.

Outro dos objetivos é que a associação possa tornar-se num “interlocutor privilegiado” na procura de soluções para problemas específicos que afetem a comunidade portuguesa em Timor-Leste”. Promover a solidariedade na comunidade portuguesa e fomentar as relações com as demais comunidades são outros objetivos da associação, que pretende criar núcleos de ação cultural e de formação.

Com o apoio do ex-Presidente timorense José Ramos-Horta e da embaixada de Portugal em Díli, a Casa de Portugal, cuja sede provisória ficará no Centro Cultural da missão diplomática, vai começar a angariar associados.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Pedro da Silva, o primeiro carteiro do Canadá
Daniel Bastos
Historiador
Momento inesquecível
Graciete Ferreira
Presidente da Master Builders na Austrália
As comunidades e a limpeza das matas
Paulo Pisco
Deputado do PS
DISCURSO DIRETO
“Acreditem no potencial que existe nas comunidades”
Isabelle Coelho-Marques
PORTUGAL
“Não foi por acaso que Portugal foi o melhor destino do mundo em 2017”
Pedro Machado
PORTUGAL
Democracia, populismo e abstencionismo
José Caria
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ