ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Lisboa recebe primeira edição do Fórum Luso-Estudos para promover melhor conhecimento sobre a diáspora
Revista PORT.COM • 18-Abr-2018
Lisboa recebe primeira edição do Fórum Luso-Estudos para promover melhor conhecimento sobre a diáspora



A Sociedade de Geografia de Lisboa recebe hoje, dia 18 de abril, a primeira edição do Fórum Luso-Estudos, iniciativa organizada pelo Observatório dos Lusodescendentes.

Ultrapassar fronteiras, confluir interesses e criar redes interativas de cooperação entre Universidades, Centros de Investigação e investigadores portugueses e estrangeiros, que pesquisem sobre a luso descendência, é o objetivo principal do Fórum intitulado “Temas atuais e perspetivas futuras”.

“Aprofundar a importância das Comunidades Portuguesas, quer no desenvolvimento dos países de acolhimento, quer na política externa nacional, é outro objetivo com vista a dar um contributo para o processo de elaboração das políticas públicas e privadas”, refere o Observatório dos Lusodescendentes. 

Segundo o Observatório, é escasso o conhecimento sobre os lusodescendentes (os descendentes dos emigrantes portugueses até à terceira geração) -- há estudos que apontam para cinco milhões de pessoas e outros que referem 30 milhões.

"Um melhor conhecimento sobre o seu número, localização e características poderá conduzir ao estabelecimento de uma política adequada para que a ligação com Portugal se mantenha e fortifique", defendem os organizadores do Fórum.

De acordo com o OLD, o encontro também pretende "ultrapassar fronteiras, fazer confluir interesses e criar redes interativas de cooperação entre universidades, centros de investigação e investigadores portugueses e estrangeiros, que se interessem sobre a luso descendência" e disseminar os resultados entre a sociedade civil, instituições públicas e privadas, empresários e investidores.

Durante o Fórum, que também vai ter painéis moderados pelo realizador Christophe Fonseca e Sofia Lisboa, ex-cantora dos Silence4, está prevista a apresentação de várias investigações, realizadas em universidades portuguesas e no estrangeiro, com temas como a "produção cultural dos emigrantes portugueses em França", "um bairro onde se fala português em Montreal", "Portugueses pelo Mundo - a retórica de sucesso", "lusodescendentes regressados em Portugal", "representações da emigração na literatura portuguesa" ou "nas redes sociais - caso do filme A Gaiola Dourada".

O Observatório dos Lusodescendentes foi lançado em 2010 e tem entre os seus objetivos "quantificar e qualificar" os descendentes dos emigrantes.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Portugal hoje, um país que incentiva ao regresso
Paulo Pisco
Deputado do PS eleito pelos portugueses na Europa
De olhos postos em África com uma estratégia de futuro
Peter Dawson
Presidente do grupo Garland
Não há tempo para se perder tempo!
Vítor Ramalho
Secretário-Geral da UCCLA
DISCURSO DIRETO
O português que ajudou a 'erguer' as memórias do World Trade Center
Luís Mendes, arquiteto
ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA
«Mobilidade no espaço da lusofonia é um dos maiores desafios»
Teresa Ribeiro, SENEC
PORTUGAL
The last man on the moon
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ