ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Há menos portugueses inscritos na Segurança Social britânica
Revista PORT.COM • 28-Fev-2019
Há menos portugueses inscritos na Segurança Social britânica



O número de portugueses que chegou ao Reino Unido para trabalhar caiu para 18.871 em 2018, o mais baixo desde 2011, de acordo com números do Ministério do Trabalho britânico.

Este foi o terceiro ano consecutivo em que desceu o número de inscrições de portugueses na Segurança Social britânica, um requisito para trabalhar no Reino Unido.

Depois de anos sucessivos de aumentos significativos, o número de registos atingiu um pico em 2015, quando se inscreveram 32.301 portugueses, quase o dobro dos 16.350 registados em 2011. Porém, 2016, ano em que 52% dos eleitores britânicos votaram num referendo a favor da saída do Reino Unido da União Europeia (UE), foi também o ponto de viragem no fluxo migratório dos portugueses.

Naquele ano foi registada uma redução de 5% no número de inscrições na Segurança Social britânica, para 30.543; em 2017 a descida foi de 26%, para 22.622, e no ano passado encolheu 17% relativamente ao ano anterior.

No relatório estatístico publicado este mês pelo Observatório da Emigração, os autores referem que o Brexit teve um efeito na redução da atração do Reino Unido para os portugueses que procuram trabalho no estrangeiro, apesar de continuar a ser o principal destino da emigração nacional.

«Esta aceleração da redução da emigração portuguesa para o Reino Unido parece, pois, explicar-se sobretudo pelos receios induzidos pelo Brexit», refere o documento.

A tendência dos portugueses acompanha a evolução das inscrições de cidadãos da União Europeia para o Reino Unido, que em 2018 caiu 16% para 418.821, contra 497.230 em 2017, com destaque para países como a Roménia, Polónia ou Bulgária.

Coincide também com as estatísticas para imigração publicadas esta semana pelo instituto britânico Office for National Estatistics (ONS), que conclui que o saldo migratório da UE (diferença entre o número de entradas e de saídas) caiu para níveis de 2009.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Macau: uma oportunidade ainda a descobrir
Alberto Carvalho Neto
Presidente da AJEPC
A importância da participação eleitoral nas comunidades
José Luís Carneiro
SECP
4 pilares para a prevenção de Alzheimer
George Perry
Diretor da Fac. de Ciências da Univ. do Texas
DISCURSO DIRETO
A preservação da memória e identidade da emigração portuguesa na toponímia
Daniel Bastos, Historiador
PORTUGAL
Portugal a votos
José Caria, Diretor-Adjunto da PORT.com
PORTUGAL
Lusos em Luanda
Jack Soifer, Consultor Internacional
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ