ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Famílias portuguesas acolhem estudantes estrangeiros
Revista PORT.COM • 11-Set-2019
Famílias portuguesas acolhem estudantes estrangeiros



89 Famílias de norte a sul do país vão acolher, em sua casa, estudantes estrangeiros do Ensino Secundário.

No próximo dia 13 de setembro chega a Portugal um grupo de 89 jovens do Ensino Secundário de 27 nacionalidades diferentes, para participar num intercâmbio intercultural promovido pela associação Intercultura-AFS Portugal.

Este ano, do total do grupo, 19 estudantes vão participar no intercâmbio durante três meses, 4 durante um semestre, e 66 estudantes vão participar no intercâmbio anual, vivendo e estudando em Portugal durante um ano letivo completo.

Para cada estudante foi necessário encontrar uma família de acolhimento que recebesse estes adolescentes em casa durante o tempo do seu intercâmbio. As famílias de acolhimento que decidiram acolher estes estudantes encontram-se em diferentes localidades do país, nos distritos de Lisboa, Porto, Aveiro, Leiria, Setúbal, Évora, Coimbra, Viana do Castelo, Braga, Castelo Branco, Santarém e Figueira da Foz.

Em cada região as famílias podem contar com o apoio dos núcleos de voluntariado locais da associação, que também se encontram espalhados pelo país.

No distrito de Leiria, a família de Patrícia Angélico acolhe Estudantes AFS desde 2014. Nessa altura, a família estava a crescer, mas a casa cheia não impediu esta família de embarcar nesta aventura intercultural e acolher a sua primeira estudante internacional – a Indira. 

“Tive conhecimento do programa através de uma amiga que me perguntou se estava interessada em acolher um estudante estrangeiro. Nesse mesmo dia falei com o meu marido e, no dia seguinte, estávamos já a tratar do processo», indica Patrícia Angélico. Patrícia acrescenta que «achámos que seria interessante para as nossas filhas e para nós próprios, enquanto pais, acolher alguém de uma cultura diferente, que queria vir estudar para Portugal e que precisava de uma família que cuidasse dela”.

A experiência correu bem e desde 2014 a família Angélico já acolheu mais três estudantes, todas elas por um período de nove meses. «Elas passam a ser nossas filhas e não há distinções. Quando é necessário chamar à atenção para alguma situação ou ter conversas mais sérias, também as temos. Começam a pertencer à família e é criado um laço para a vida toda”.

Para a receção dos estudantes, a associação Intercultura-AFS organiza um “Campo de Chegada”, que se inicia na sexta-feira dia 13 de setembro, e culmina com o encontro entre os estudantes e as famílias no domingo, dia 15 de setembro, pelas 14h30 no Seminário Torre d'Aguilha, perto de Carcavelos.

As candidaturas para as famílias de acolhimento estão abertas todo o ano no site da Intercultura-AFS e no blogue da associação Intercultura-AFS.

 


Etiquetas
Partilhar

NOTÍCIAS RELACIONADAS
OPINIÃO
Significado das próximas eleições para a Assembleia da República
Paulo Pisco
Deputado do PS
Incêndios rurais: prevenir é mesmo o melhor remédio
Miguel Freitas
Sec. de Estado das Florestas
Por um regresso seguro a casa
José Artur Neves
Sec. de Estado da Proteção Civil
DISCURSO DIRETO
A emigração portuguesa para a Holanda
Daniel Bastos, Historiador
PORTUGAL
Defesa de nova visão sobre as comunidades portuguesas
José Luís Carneiro
PORTUGAL
Um eterno e constante devir....
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ