ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Moçambique volta a permitir comercialização de carne do Brasil
Revista PORT.COM • 07-Mai-2017
Moçambique volta a permitir comercialização de carne do Brasil



O Ministério da Indústria e Comércio de Moçambique levantou a suspensão da comercialização de carnes importadas que já estão no país.

O porta-voz do Ministério da Indústria e Comércio, Nelson Jeque, afirmou que frango e outra carne proveniente sobretudo do Brasil, mas também de outros países, e que se encontra em território moçambicano já pode ser vendida.

O governo tinha suspendido a importação e comercialização a 30 de março para avaliar se a carne que entrou no país fazia parte de lotes supostamente adulterados e detetados na sequência da investigação “Carne Fraca”, desencadeada pela Polícia Federal brasileira, informa a agência Lusa.

Resultados laboratoriais apuraram que não há risco para a saúde pública no que respeita à carne que já entrou.

“Estando na posse de grande parte dos resultados laboratoriais, que são negativos, o Governo autoriza que os ‘stocks’ na posse de importadores e de retalhistas sejam comercializados, a partir de hoje”, acrescentou Nelson Jeque.

A inspetora-geral da Inspeção Nacional das Atividades Económicas de Moçambique (INAE), Rita Freitas, disse que a decisão vai libertar para venda 1,7 toneladas de frango cativados pelos importadores e retalhistas.

O porta-voz do Ministério da Indústria e Comércio de Moçambique explicou que o levantamento da suspensão abrange apenas o produto que já se encontrava em território nacional pronto para venda, mantendo-se a interdição de importação de frangos e carnes até ao apuramento do défice no mercado nacional.

O executivo quer saber qual a capacidade dos produtos avícolas moçambicanos para abastecer o mercado nacional.

As importações deverão ser autorizadas em quantidade equivalente ao défice, referiu.

“Mantém a restrição da importação do frango, tendo em conta o mecanismo [estabelecido] para o efeito”, disse Nelson Jeque, referindo-se à determinação da quota de importação do frango.

No âmbito da “Operação Carne Fraca”, a polícia brasileira investiga fiscais que supostamente recebiam subornos de empresas para emitir certificados falsos para carne com prazo vencido, usando, em muitas circunstâncias, produtos químicos para disfarçar a deterioração do produto.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Portugal hoje, um país que incentiva ao regresso
Paulo Pisco
Deputado do PS eleito pelos portugueses na Europa
De olhos postos em África com uma estratégia de futuro
Peter Dawson
Presidente do grupo Garland
Não há tempo para se perder tempo!
Vítor Ramalho
Secretário-Geral da UCCLA
DISCURSO DIRETO
O português que ajudou a 'erguer' as memórias do World Trade Center
Luís Mendes, arquiteto
ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA
«Mobilidade no espaço da lusofonia é um dos maiores desafios»
Teresa Ribeiro, SENEC
PORTUGAL
The last man on the moon
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ