ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

imagem
Revista PORT.COM • 11-Set-2017
Xanguai recebeu o seminário sobre a construção e planeamento urbanístico para os países de língua portuguesa



O 'Seminário sobre a Construção e Planeamento Urbanístico para os Países de Língua Portuguesa 2017' decorreu em Xangai (China) e contou com a presença de um representante da UCCLA - União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa.

O seminário contou com a participação de 34 representantes de 4 países de língua oficial portuguesa - Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau e Portugal - entre autarcas, técnicos de governos centrais e locais, professores universitários e representantes de instituições.

Os conteúdos das 9 palestras permitiram dar uma visão realista da China de hoje, assim como permitiram a introdução de novos conceitos, filosofias e tecnologias.

O seminário foi composto pelas seguintes palestras:

- Visão da China

Posição estratégica primordial no Globo. Desenvolvimento económico, científico, tecnológico e ambiental;

- Planeamento das pequenas e médias cidades

Novos desafios e novas necessidades, urbanismo tradicional, novas tecnologias, empreendedorismo e inovação; 

- Centro de transportes de Hongqiao

Terminal de transportes que vem beneficiar um amplo leque da população e solucionar problemas urbanos;

- Planeamento e gestão de energia urbana

Gestão dos recursos energéticos, redução das emissões de carbono, gás natural e energias renováveis;

- Planeamento do sistema viário

Hierarquização das vias, bicicletas, motos, congestionamentos de trânsito e rede de metro que transporta 10 milhões de pessoas por dia;

- Planeamento das zonas chave de Xangai

Novas estruturas, como a Expo Shanghai 2010, e soluções para problemas existentes, como o novo arranjo urbanístico do Bund;

- Melhoria da qualidade da água

A despoluição do rio Suzhou e metas alcançadas, dragagem, contenção de cheias e reconstrução de pontes; 

- Porto de Xangai

O maior do mundo;

- Nova tendência do desenvolvimento urbano internacional

Crise de 2008. Mudança de paradigma: inclusão, sustentabilidade, resiliência, criatividade, inovação, prosperidade e cultura.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Um retrato dos cientistas portugueses no estrangeiro
Daniel Bastos
Historiador
Alargamento da Ação Cultural Externa às Comunidades Portuguesas
José Cesário
Deputado do PSD
Investimentos Brasil-Portugal
Fernando Pinho
Economista, palestrante e consultor financeiro
DISCURSO DIRETO
'Encontros são uma homenagem aos empresários da diáspora'
José Luís Carneiro
PORTUGAL
'O Estado abandonou o país rural'
Nádia Piazza
PORTUGAL
José Redondo e a paixão pelo râguebi
José Redondo
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ