ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Governo são-tomense lança novo passaporte mais seguro
Revista PORT.COM • 06-Fev-2018
Governo são-tomense lança novo passaporte mais seguro



O governo são-tomense lançou um novo passaporte eletrónico elogiado pelo primeiro ministro do país que considera ter 'uma nova tecnologia muito mais avançada que aquilo que tem sido utilizado noutros países'.

"Demos um salto bastante importante que vai permitir São Tomé e Príncipe ganhar em credibilidade internacional, permitir aos são-tomenses viajarem com um documento seguro e também tranquiliza os países ao receber os nossos cidadãos", disse Patrice Trovoada na cerimónia de lançamento deste novo passaporte.

O chefe do executivo assegurou que o novo documento "não está sujeito a nenhuma fraude," explicando que o "sistema permite detetar qualquer tentativa de intrusão e de falsificação" e vai garantir "maior conectividade entre os são-tomenses e o exterior".

O novo passaporte já pode ser adquirido pelos cidadãos, mas o custo passa a ser cerca de três vezes mais caro do que o passaporte biométrico que tem sido usado até ao momento, passando de 700 mil dobras (28 euros) para 1.7 milhões de dobras (68 euros).

"O valor corresponde ao produto", defende Patrice Trovoada, sublinhando que "não se trata de uma troca normal de passaporte", mas sim de "um produto novo com qualidades novas e um valor novo".

O chefe do governo considera que o novo documento é um "argumento forte para que a nível da mobilidade possa levar os nossos parceiros a uma maior flexibilização quanto a circulação dos são-tomenses no exterior", lembrando que o país está "a corresponder a todas as normas internacionais" nesse domínio.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
A CPLP mais perto das pessoas
Francisco Ribeiro Telles
Secretário Executivo da CPLP
Gestão multicultural das equipas
António Cunha Meneses Abrantes
Professor Auxiliar na ICN Business School de Nancy
Já se ouve o Fado na Eslovénia
João Pita Costa
Editor da revista luso-eslovena Sardinha
DISCURSO DIRETO
Memórias e recordações da emigração portuguesa na Alemanha
Daniel Bastos
PORTUGAL
«Existe muita exploração laboral perpetrada por portugueses»
Luísa Semedo
FRANÇA
«Mercado chinês tem potencial para as empresas portuguesas»
José Augusto Duarte
CHINA
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ