ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Secretário-geral da CPLP quer que o português seja uma língua corrente nos países africanos
Revista PORT.COM • 22-Jan-2019
Secretário-geral da CPLP quer que o português seja uma língua corrente nos países africanos



O embaixador Francisco Ribeiro Telles diz ter vontade de ver a CPLP mais próxima das pessoas.

O atual secretário-geral da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) quer reforçar a língua portuguesa como língua de uso corrente nos países africanos.

«Nos contactos que tenho mantido com as autoridades da Guiné Equatorial sinto uma vontade que o português possa vir a ser cada vez mais uma língua presente no país. Ainda recentemente houve um acordo entre o Instituto Camões e a Guiné Equatorial para a criação de um eleitorado português em Malabo [a capital]. Isso são sinais importantes», disse Francisco Ribeiro Telles em entrevista à rádio TSF.

O embaixador Francisco Ribeiro Telles assumiu também a vontade de ver a CPLP mais próxima das pessoas, o que não tem acontecido.

«Não há falta de empatia, mas a CPLP esteve concentrada em vários dossiês importantes que tinham a ver, sobretudo, com questões diplomáticas. Eu lembro a importância que a CPLP teve para a questão de Timor-Leste, que muita gente talvez não se tenha apercebido. Mesmo para a eleição do próprio engenheiro António Guterres, a concertação que houve a nível da CPLP foi importante. A esse nível a CPLP tem funcionado bem. Agora, do que se trata é de darmos um salto no sentido em que as pessoas pensem que a CPLP também lhes é útil para o dia-a-dia», afirmou.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
A CPLP mais perto das pessoas
Francisco Ribeiro Telles
Secretário Executivo da CPLP
Gestão multicultural das equipas
António Cunha Meneses Abrantes
Professor Auxiliar na ICN Business School de Nancy
Já se ouve o Fado na Eslovénia
João Pita Costa
Editor da revista luso-eslovena Sardinha
DISCURSO DIRETO
Memórias e recordações da emigração portuguesa na Alemanha
Daniel Bastos
PORTUGAL
«Existe muita exploração laboral perpetrada por portugueses»
Luísa Semedo
FRANÇA
«Mercado chinês tem potencial para as empresas portuguesas»
José Augusto Duarte
CHINA
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ