ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Novidades marcam o arranque da iniciativa ‘3 eventos, 3 continentes em português’
Revista PORT.COM • 04-Fev-2019
Novidades marcam o arranque da iniciativa ‘3 eventos, 3 continentes em português’



A iniciativa da Associação de Jovens Empresários Portugal-China, centrada no espaço da lusofonia, vai conhecer algumas novidades este ano, agregando três grandes eventos: FIN Business Forum, a realizar-se em março, em São Paulo, no Brasil, FIN – Feira Internacional de Negócios, a realizar-se em junho, no Porto, e MIF – Macau International Fair) que terá lugar em outubro, naquele território da República Popular da China.

 

Desde a sua génese que a AJEPC – Associação de Jovens Empresários Portugal-China tem feito a abordagem ao mercado da China Continental através do território de Macau ou integrando iniciativas do IPIM - Instituto de Promoção e Investimento de Macau, pelo que a proximidade ao território de Macau é muito grande. O crescente interesse da Ásia no mercado dos países de Língua Portuguesa afigurou-se para a AJEPC como uma oportunidade, não só de agir como interlocutor com os referidos mercados, mas também permitindo à lusofonia ter uma posição privilegiada na triangulação de vontades pela ligação histórica a todos estes territórios. Foi assim que nasceu o projeto “3 Eventos, 3 Continentes em Português”.

Este projeto centra-se na lusofonia como linha condutora de negócios no mundo global e tem três eventos agregados: FIN Business Forum, a realizar-se em março, em São Paulo, no Brasil, FIN – Feira Internacional de Negócios, a realizar-se em junho, no Porto, e MIF – Macau International Fair) que terá lugar em outubro, naquele território da República Popular da China.

O FIN Business Forum é o primeiro dos eventos oficiais do projeto “3 Eventos, 3 Continentes em Português”. É um evento empresarial com foco no networking e business matching, que se

vai realizar em 2019, pela primeira vez. O evento é iniciado com um dia de seminários, com o objetivo de apresentar a todos os participantes o mercado brasileiro, os seus constrangimentos e oportunidades, através de speakers de relevância na área.

Integrado no programa haverá um dia dedicado a visitas a empresas locais dos sectores de interesse das empresas participantes e eventos de networking, promovendo o maior número de locais. Será também promovido um dia de “rodadas de negócios” (reuniões b2b na sede da FIESP – Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) que serão agendadas previamente com os empresários brasileiros.

3ª Edição da FIN – Feira Internacional de Negócios

Por sua vez, a FIN é um projeto singular na ação da AJEPC, uma vez que se foca em trazer a Portugal empresários de todo o mundo para que se estabeleçam sinergias com vista à concretização de negócios. Este evento é feito em colaboração com diversas entidades internacionais com especial relevância para o apoio do IPIM – Instituto de Promoção do Investimento e Comércio de Macau, do Invest Hong Kong e da Federação Sino PLPE. Em 2019 será já a 3.ª edição do evento, tendo este nas duas edições anteriores tido a chancela Presidente da República Portuguesa.

Este evento internacional, realizado na Exponor, representa uma oportunidade para os empresários promoverem os seus bens e serviços no mundo com especial enfoque nos mercados da China e dos países de Língua Portuguesa e Espanhola, bem como em diversos mercados Europeus e da América-latina. Durante o evento, os participantes têm acesso a uma plataforma de reuniões b2b com informação de todas as empresas presentes.

São ainda promovidos seminários com oradores internacionais de renome que vêm a Portugal partilhar o seu conhecimento e experiência, sendo estes momentos valiosos de aprendizagem e conhecimento.

A FIN é, acima de tudo, um evento que pretende abrir portas para o mundo global a todos os participantes, através da criação de uma rede de contactos sólida e relevante.

Macau palco de destaque para os produtos e serviços dos países de Língua Portuguesa

Por último, a Feira Internacional de Macau (MIF) tem, desde a sua primeira edição em 1996, apostado na participação dos países de Língua Portuguesa, com o número de empresas lusófonas participantes a aumentar de ano para ano. O evento é organizado pelo Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau (IPIM) e é a primeira exposição local acreditada pela UFI – The Global Association of the Exhibition Industry. Desde 2014 que os produtos e serviços dos países de Língua Portuguesa têm tido um local de destaque tendo, surgindo, em 2017, a Exposição de Produtos e Serviços dos Países de Língua Portuguesa (PLPEX, na sua sigla) como evento independente, integrado na 22ª MIF.

A PLPEX, da qual a AJEPC é oficialmente coorganizadora desde o seu início, engloba exposições, bolsas de contacto, fóruns e serve como base para que pequenas e médias empresas façam uso de Macau como uma plataforma para a exploração de oportunidades de negócio na China Continental, assim como para o aprofundamento do papel do território enquanto plataforma de apoio aos investidores do exterior e ao estabelecimento de novas vias de cooperação para os investidores de Macau interessados em explorar oportunidades no mercado internacional.

Em complemento ao evento principal, a AJEPC organiza o Fórum de Jovens Empresários China e Países de Língua Portuguesa que junta oradores internacionais que partilham a sua experiência e conhecimento sobre a relação comercial e cultural destes países.

 


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Macau: uma oportunidade ainda a descobrir
Alberto Carvalho Neto
Presidente da AJEPC
A importância da participação eleitoral nas comunidades
José Luís Carneiro
SECP
4 pilares para a prevenção de Alzheimer
George Perry
Diretor da Fac. de Ciências da Univ. do Texas
DISCURSO DIRETO
A preservação da memória e identidade da emigração portuguesa na toponímia
Daniel Bastos, Historiador
PORTUGAL
Portugal a votos
José Caria, Diretor-Adjunto da PORT.com
PORTUGAL
Lusos em Luanda
Jack Soifer, Consultor Internacional
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ