ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Acordo pioneiro fortalece relações entre a Universidade de Coimbra e o Brasil
Revista PORT.COM • 16-Mai-2019
Acordo pioneiro fortalece relações entre a Universidade de Coimbra e o Brasil



O Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) do Brasil assinou um acordo com a Universidade de Coimbra (UC) através da Faculdade de Direito e da Academia Sino-Lusófona.

«Por esta nova e nobre via, o contingente de magistrados ainda crescerá mais em sabedoria», referiu o diretor da FDUC, Rui de Figueiredo Marcos durante a cerimónia.

O conselheiro nacional do Ministério Público e presidente da Comissão de Defesa dos Direitos Fundamentais, Valter Shuenquener, afirmou que é «uma oportunidade de cooperação inovadora que trará novos laços» entre os dois países. O responsável acredita que, com a assinatura dos acordos de cooperação, vai ser possível «gerar grande troca de experiências e conhecimentos».

«Tenho a certeza de que será uma ligação muito profícua», conclui Valter Shuenquener que classificou o acordo como «pioneiro».

Para o futuro, já há iniciativas em mente.

«Temos cursos em mente para rapidamente operacionalizar, nas áreas definidas pelo Conselho Superior do Ministério Público», revela o Vice-Reitor da UC para as Relações Externas e Alumni. De acordo com João Nuno Calvão da Silva, o objetivo é que, «eventualmente, possa haver também articulação com outros quadros do Ministério Público de outros países e outras latitudes, como os PALOP ou a Região Administrativa Especial de Macau, daí a entrada da Academia Sino Lusófona neste protocolo».

«Isso passa a dar a centralidade que se pretende a Coimbra com os mais altos dirigentes magistrados destes países tão importantes. É isso que pode dar à UC a centralidade que ela merece e deve ter no mundo», acrescentou o responsável.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Portugal hoje, um país que incentiva ao regresso
Paulo Pisco
Deputado do PS eleito pelos portugueses na Europa
De olhos postos em África com uma estratégia de futuro
Peter Dawson
Presidente do grupo Garland
Não há tempo para se perder tempo!
Vítor Ramalho
Secretário-Geral da UCCLA
DISCURSO DIRETO
O português que ajudou a 'erguer' as memórias do World Trade Center
Luís Mendes, arquiteto
ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA
«Mobilidade no espaço da lusofonia é um dos maiores desafios»
Teresa Ribeiro, SENEC
PORTUGAL
The last man on the moon
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ