ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Portugal reitera compromisso de manter apoio a Moçambique
Revista PORT.COM • 06-Jun-2019
Portugal reitera compromisso de manter apoio a Moçambique



Teresa Ribeiro esteve na Conferência Internacional de Doadores que decorreu na cidade da Beira, na província de Sofala, no centro de Moçambique.

A secretária de Estado dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação de Portugal, Teresa Ribeiro, reiterou, recentemente, o compromisso em apoiar a reconstrução dos pontos afetados pelos ciclones Idai e Kenneth em Moçambique.

«Portugal sempre esteve presente e continuará presente. O compromisso que temos com Moçambique é seguramente um compromisso duradouro», disse à agência Lusa a secretária do Estado.

A governante lembrou que Portugal tem um programa de apoio a Moçambique já em curso, um plano orçado em cerca de 200 milhões de euros e que incide em setores sociais fundamentais.

«Este apoio, que já começou a ser desembolsado, vai continuar até 2021. Alguns destes projetos respondem àquilo que são as necessidades de Moçambique a médio e longo prazo», acrescentou.

Teresa Ribeiro agradeceu ainda aos cidadãos e à sociedade civil portuguesa pelo envolvimento nas campanhas de ajuda às vítimas dos ciclones, considerando este empenho uma prova dos laços que existem entre os dois países.

«Toda a sociedade [portuguesa] quis dar um sinal de que queria ajudar Moçambique numa altura em que o país precisava. Nós ainda hoje sentimos essa permanente disponibilidade», afirmou.

A secretária de Estado acrescentou também que, além dos projetos que já estão em curso, há uma nova linha de apoio que está a ser preparada para setores como educação, proteção social e saúde, mas não avançou o montante que será disponibilizado.

Sob o lema "Por uma Reconstrução Rápida, Resiliente e Abrangente", a Conferência de Doadores juntou perto de 700 pessoas, entre parceiros de desenvolvimento, fundações, instituições financeiras internacionais, agências da ONU, setor privado nacional e internacional durante dois dias.

O plano de reconstrução, avaliado em 3,2 mil milhões de dólares (cerca de 2,87 mil milhões de euros), engloba um conjunto de cerca de 100 projetos socioeconómicos para os locais afetados.                       

Durante a conferência, Moçambique obteve dos participantes um apoio de 1,2 mil milhões de dólares dos 3,2 mil milhões dólares necessários para reconstrução dos pontos afetados.

A margem da Conferência, a secretária de Estado, acompanhada por um representante do Camões, I.P, esteve reunida na Arquidiocese da Beira e com representante da FEC - Fé e Cooperação, que representa consórcio de ONGD que receberam apoio da Cooperação Portuguesa para intervenção na área da educação de emergência e reconstrução de infraestruturas escolares.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Significado das próximas eleições para a Assembleia da República
Paulo Pisco
Deputado do PS
Incêndios rurais: prevenir é mesmo o melhor remédio
Miguel Freitas
Sec. de Estado das Florestas
Por um regresso seguro a casa
José Artur Neves
Sec. de Estado da Proteção Civil
DISCURSO DIRETO
Monumentos ao emigrante em Portugal
Daniel Bastos, Historiador
PORTUGAL
Defesa de nova visão sobre as comunidades portuguesas
José Luís Carneiro
PORTUGAL
Um eterno e constante devir....
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ