ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Macau admite reavaliar reinício das aulas após primeiro caso de Covid-19 em 40 dias
Revista PORT.COM • 17-Mar-2020
Macau admite reavaliar reinício das aulas após primeiro caso de Covid-19 em 40 dias



O Governo de Macau admitiu que vai reavaliar o reinício das aulas, um dia depois do primeiro caso de infeção pelo novo coronavírus em 40 dias, uma sul-coreana que chegou ao território vinda do Porto.

“Depois de verificado este caso importado, vamos ponderar (…) ter em conta a segurança dos estudantes”, afirmou a secretária para os Assuntos Sociais e Cultura, Ao Ieong U, em conferência de imprensa.

Na sexta-feira, as autoridades anunciarem que as aulas do ensino não superior iam recomeçar gradualmente a partir de 13 de abril, de uma forma faseada, até 4 de maio, e no sábado confirmaram que as aulas do ensino superior iam começar também gradualmente a partir de 01 de abril.

Na mesma conferência de imprensa as autoridades apelaram aos estudantes de Macau no estrangeiro, cerca de 3.000, para avaliarem os riscos do regresso a Macau.

“Vocês devem avaliar os riscos da segurança, para saber se é adequando ficar nos sítios ou voltar a Macau, sublinharam as autoridades, reforçando para que “ponderem bem” os riscos, numa altura em que o Governo aponta as preocupações para os casos importados de Covid-19, provenientes dos países europeus.

Minutos antes, o Governo de Macau tinha anunciado que a partir da meia-noite de terça-feira quem chegar ao território, com exceção da China continental, Taiwan e Hong Kong, terá de ficar em quarentena de 14 dias.

A partir da meia-noite de terça-feira, quem chegue ao território, com exceção da China continental, Taiwan e Hong Kong, “será sujeito a uma observação médica de 14 dias”, afirmou a secretária para os Assuntos Sociais e Cultura, Ao Ieong U.

A medida é imposta a “todos os indivíduos que viajaram para estes países nos 14 dias anteriores à entrada no território”, disse a governante, que reforçou: "Têm de estar sujeitas a 14 dias de observação médica".

Esta medida surge um dia depois de Macau ter registado o primeiro caso de infeção pelo novo coronavírus em 40 dias, uma sul-coreana que chegou ao território oriunda do Porto, onde visitou familiares do namorado português.

Antes desta confirmação, Macau registava 10 casos de infeção com o vírus da Covid-19, tendo todos já recebido alta hospitalar. Agora, são 11 o número de pessoas em Macau infetadas desde que o surto começou.


Etiquetas
Partilhar

NOTÍCIAS RELACIONADAS
OPINIÃO
A sua atitude de confiança conta: não só com o vírus...
Susana Cor de Rosa
Consultora empresarial
Os efeitos do medo do coronavírus...
Daniel Bastos
Historiador
Novo Coronavírus provoca epidemia com desfecho imprevisível
Alfredo Martins
Internista e Coordenador do NEDResp
DISCURSO DIRETO
A Fundação ISS e o apoio na África Lusófona
Eulalia Devesa, Diretora da Fundação ISS Mais Um Sorriso
PORTUGAL
«Cada vez faz menos sentido falar de emigração»
José Cesário, Deputado do PSD
PORTUGAL
O Projeto de Mobilidade na CPLP
Augusto Santos Silva, Ministro dos Negócios estrangeiros
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ