ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Curiosidades sobre o filme mais português de Martin Scorsese
Revista PORT.COM • 12-Fev-2017
Curiosidades sobre o filme mais português de Martin Scorsese



Apresentamos-lhe um conjunto de factos sobre Silêncio, o filme de Hollywood que conta a história de padres jesuítas portugueses e se encontra em exibição em cinemas por todo o mundo.

O novo filme de Martin Scorsese, que se encontra em exibição em cinemas por todo o mundo, retrata a história de padres jesuítas portugueses perseguidos durante a missão no Japão, no século XVII. Atores como Andrew Garfield e Liam Neeson respondem pelos apelidos Rodrigues e Ferreira.

Apresentamos-lhe um conjunto de factos sobre Silêncio, o filme de Hollywood que conta a história de padres jesuítas portugueses e se encontra em exibição em cinemas por todo o mundo. Os seguintes tópicos não revelam dados essenciais do filme a quem ainda não o viu, pelo que podem ser lidos sem receio:

 

- A inspiração para o filme Silêncio surgiu depois de Martin Scorsese ter lido o romance homónimo do escritor japonês Shusako Endo. O livro escrito em 1966 é baseado em factos históricos.

 

- O ator norte-americano Andrew Garfield, que se tornou mundialmente famoso no papel de Homem-Aranha, interpreta a personagem principal do filme: Sebastião Rodrigues, um padre jesuíta português no Japão, no século XVII. Porém, na realidade, a personagem inspira-se no padre italiano Giuseppe Chiara.

 

- O também norte-americano Adam Driver, vilão do filme mais recente da saga “Star Wars”, interpreta outro padre jesuíta português, chamado Francisco Garupe. Também esta personagem terá sido construída inspirada em padres com outra nacionalidade, particularmente espanhóis e italianos.

 

- Liam Neeson (conhecido por protagonizar filmes como A Lista de Schindler, Os Miseráveis e a saga Taken) interpreta o único português “genuíno” da história que dá origem ao filme. Cristóvão Ferreira nasceu em 1580, em Torres Vedras, e morreu em 1650, em Nagasaki.

 

- Quando a realização de Silêncio foi anunciada, Daniel Day-Lewis (vencedor de três Óscares para melhor ator principal), Gael García Bernal e Benicio Del Toro haviam sido escolhidos para interpretar as personagens principais. Day-Lewis seria Cristóvão Ferreira, Bernal no papel de Sebastião Rodrigues e Del Toro como Francisco Garupe. Todos eles acabaram por sair do projeto após vários atrasos no início da produção do filme.

 

- Para encarnarem nos papéis de Sebastião Rodrigues, Francisco Garupe e Cristóvão Ferreira, os protagonistas fizeram um retiro de sete dias num centro espiritual jesuíta no norte do País de Gales.

 

- A primeira antestreia do filme a nível mundial teve lugar em pleno Vaticano, para uma audiência composta por 400 padres.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
O retrato dos votos da emigração
José Caria
Diretor-adjunto da PORT.COM
Momentos de partilha
Nuno Pinto Magalhães
Diretor de Relações Internacionais da SCC
O acervo bibliográfico sobre a emigração portuguesa
Daniel Bastos
Historiador
DISCURSO DIRETO
Dia de Portugal e 5.º aniversário da Revista PORT.COM
Marcelo Rebelo de Sousa
PORTUGAL
Língua portuguesa, um passaporte para o presente e para o futuro
Luís Faro Ramos, pres. do Camões I.P.
PORTUGAL
Função de grande responsabilidade e relevância social
José Luís Carneiro, SEC
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ