ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

imagem
Revista PORT.COM • 05-Set-2017
Ponte de Lima quer bater recorde com número de tocadores de concertina



A presidente da Associação Concelhia das Feiras Novas explicou que a ação vai decorrer amanhã, pelas 22H30, no areal, junto ao rio Lima, naquele concelho do distrito de Viana do Castelo.

Ponte de Lima quer entrar no Livro Guiness de Recordes, juntando, no mesmo local, "o maior número" de tocadores de concertina para bater o concelho de Vila Verde, detentor, desde 2005, daquele recorde.

A presidente explicou que a participação naquela iniciativa "não implica inscrição prévia".

"Basta aparecerem com as concertinas e tocarem "Ó Linda Rosinha" durante, pelo menos cinco minutos", especificou.

De acordo com o sítio na internet do Livro Guiness de Recordes, o recorde é, atualmente detido pelo município de Vila Verde, no distrito de Braga, que em 2005 juntou, no mesmo local, 625 tocadores de concertina, iniciativa integrada na festa das Colheitas.

A iniciativa de Ponte de Lima integra-se no programa da edição 2017 das Feiras Novas que decorrem entre os dias 08 e 11.

Em 2016, as Feiras Novas reuniram "quase cinco centenas de tocadores de concertina".

Este ano, a romaria que encerra o ciclo festivo do Alto Minho comemora 191 anos. As Feiras Novas foram criadas pelo Rei D. Pedro IV, por provisão de 5 de maio de 1826.

Um dos destaques da festa são as várias rusgas de concertinas e cantares ao desafio pelas ruas da vila.

O tradicional cortejo etnográfico é outro dos pontos altos da festa. Apresenta-se, segundo a organização, como uma "demonstração única da cada freguesia" do concelho e da cultura local.

A Feira do Gado e os concursos pecuários são também "números" daquela que é a última das grandes romarias do Alto Minho.

O ribombar dos bombos, grupos de zés pereiras, gaiteiros, concertos de bandas de música, folclore, tocatas, fogo-de-artifício, uma corrida de garranos e uma tourada completam o programa da festa anual de Ponte de Lima.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Soldados portugueses que se tornaram emigrantes em França
Daniel Bastos
Historiador
Mercado Imobiliário: Algarve, destino de eleição para portugueses e franceses
Pedro Rosa
Consultor imobiliário
Osnabrück – Cidade da Paz
Wolfgang Griesert
Presidente da Câmara Municipal de Osnabrück
DISCURSO DIRETO
Bélgica, país de contrastes onde adoram portugueses
Catarina Moleiro
BÉLGICA
O mundo é pequeno, a China não
Miguel Madeira
CHINA
Num ano em França, tudo mudou!
Rita Sarmento
FRANÇA
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ