ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Centenas de peregrinos já estão em Fátima para a peregrinação de maio
Revista PORT.COM • 11-Mai-2018
Centenas de peregrinos já estão em Fátima para a peregrinação de maio



Centenas de peregrinos já se encontram em Fátima para a peregrinação internacional aniversária de maio ao santuário, um ano depois da visita do papa Francisco e a canonização de Francisco e Jacinta Marto.

Nos parques nas imediações do santuário já acampam fiéis e estacionam-se autocaravanas, mas ainda sobram muitos lugares, um cenário diferente da peregrinação de 12 e 13 de maio de 2017, quando passavam 100 anos sobre os acontecimentos na Cova da Iria.

As cerimónias, 101 anos depois dos acontecimentos na Cova da Iria, começam às 18H30 de sábado, na Capelinha, e três horas mais tarde é recitado o terço, seguido da procissão das velas e missa.

“A confusão era total”, recordou José Cunha, de 72 anos, que, à semelhança do ano passado, cedo se instalou para as celebrações da primeira grande peregrinação do ano ao maior templo mariano do país.

O peregrino, de Vizela, distrito de Braga, chegou na segunda-feira de manhã a Fátima acompanhado da mulher, e espera regressar a casa no domingo, após as cerimónias religiosas.

“Há um ano estava precisamente aqui”, no mesmo parque, relatou José Cunha, explicando que, apesar dos milhares de peregrinos e da confusão, conseguiu ver o papa Francisco duas vezes.

Sobre mais uma deslocação à cidade-santuário, o peregrino justifica-se: “Fátima é onde me sinto bem, mas não é só rezar. Sinto-me em paz”.

Depois de elencar os locais que vai percorrendo pela cidade por estes dias, José Cunha acrescentou que a mulher cumpre uma promessa, depois de ter visto ultrapassado um problema nos pés.

“Milagre, coincidência, medicamentos?”, pergunta-se, saindo-lhe esta resposta imediatamente: “Não sei explicar”.

Não muito distante da autocaravana de José Cunha estava a de Manuel Mendes, de 64 anos, de Lousada, Porto, que à pergunta “onde estava a 13 de maio de 2017”, responde com um sorriso de grande satisfação: “Estava aqui, vi o papa, estive à beirinha dele”.

“Foi um momento especial”, confessou Manuel Mendes, desde sábado a residir na autocaravana em Fátima.

Sentado no interior de uma tenda, Américo Bonito Santos, peregrino de 69 anos da Póvoa do Varzim, distrito do Porto, adivinha a questão com a frase “também vi” o papa Francisco, como também viu os antecessores Bento XVI e João Paulo II em Fátima.

“Há 40 anos que nunca faltei a uma peregrinação de maio”, afiançou Américo Bonito Santos, na “casa” que tornou a montar para a peregrinação e onde manifestou à Lusa um carinho especial pelo papa João Paulo II, que peregrinou três vezes a Fátima.

Do sul, de Poceirão, distrito de Setúbal, o casal Rosália e Pascoal Marques chegou na quarta-feira a Fátima “para ficar até domingo”.

“Fátima é Fátima”, afirmou Pascoal, de 56 anos, sem mais delongas, para apenas precisar que, sempre que se faz a norte na autocaravana, a primeira noite é, invariavelmente, na cidade-santuário. A mulher, Rosália de 57 anos, acompanhou a peregrinação do papa Francisco pela televisão. “Vi na televisão, com pena de não estar cá, vi tudo”, contou Rosália Marques.

A peregrinação internacional aniversária de maio ao Santuário de Fátima, no distrito de Santarém, é presidida pelo cardeal John Tong, bispo emérito de Hong Kong, e tem como tema “Tempo de graça e misericórdia: dar graças pelo dom de Fátima”.

A peregrinação termina no domingo com missa, bênção dos doentes e procissão do adeus, a partir das 10H00.


Etiquetas
Partilhar

NOTÍCIAS RELACIONADAS
OPINIÃO
A relação entre Portugal e a sua Diáspora...
José Luís Carneiro
Implicações políticas da participação eleitoral nas comunidades
Paulo Pisco
Deputado do PS
Porque não te calas?
José Caria
Diretor-Adjunto PORT.com
DISCURSO DIRETO
Mar de Sonhos – a emigração nos vapores transatlânticos
Daniel Bastos, Historiador
PORTUGAL
ENTREVISTA
Berta Nunes, secretária de Estado das Comunidades
PORTUGAL
ENTREVISTA
António Saraiva, Presidente da CIP
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ