ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Primeira cerveja nacional da Síria tem design português
Revista PORT.COM • 14-Mai-2018
Primeira cerveja nacional da Síria tem design português



O designer português, Hugo Marques, inspirou-se em caixas de madeira para criar o rótulo da primeira cerveja nacional da Síria, a Afamia. O nome escolhido é uma espécie de homenagem à antiga cidade síria Apameia.

Hugo Marques vinculou-se ao mundo do design há já 20 anos e foi o designer escolhido para fazer o rótulo para a Afamia, a primeira cerveja nacional da Síria.

«O convite foi muito simples: tenho o meu portefólio disponível online e eles encontraram-me através da plataforma Behance», refere o designer. 

Nativo de Viseu, o português precisou de realizar uma pesquisa sobre a cultura e a tradição do país do Médio Oriente para que pudesse cumprir um dos pedidos da empresa, já que «era essencial que a imagem da cerveja tivesse ligação à cultura e à história da Síria».

Assim, o designer ganhou inspiração em caixas de madeira. «Como nós cá temos os azulejos portugueses, eles têm umas caixas trabalhadas em madeira, muito tradicionais e antigas na Síria», explicou Hugo Marques.

A caixa de madeira serviu então como objeto de inspiração para a criação do rótulo: foi ajustada a um padrão de fundo, tornando evidente a ligação à cultura síria. Por outro lado, Hugo incluiu uma faixa central na garrafa que representa as faixas que «normalmente são colocadas em indivíduos pelo mérito de alcançar algo». Neste caso o objetivo foi representar a determinação e o mérito da empresa ao erguer-se a partir da destruição causada pela guerra civil que atormenta a Síria há quase sete anos.

Segundo o português, a empresa representa mais do que uma simples marca de cerveja: «Há uma vertente de responsabilidade social muito grande». Foi criada com o objetivo de recuperar o património destruído e «vai criar postos de trabalho e dinamizar, em termos comerciais, o espaço onde eles estão».

Dado este motivo, o designer decidiu abdicar do pagamento que iria receber. Hugo Marques disse ter feito o que achou «mais correto» e entregou os honorários à Basma, uma associação síria que apoia crianças com cancro. «A doação foi a oportunidade para dar uma pequena ajuda ao sofrimento de tantas pessoas».

Este não foi o primeiro trabalho do português para marcas de cerveja. À Afamia juntam-se nomes como a Vadia ou a Maldita — e muitos outros rótulos para cervejas artesanais.

«Trabalhei com quase todas as grandes marcas de cerveja e agora estou focado no mercado das bebidas espirituosas. Estou a fazer gins e vinho», confessa.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
A rede mundial de luso-eleitos
Daniel Bastos
Historiador
Promover o Universo Português
Cátia Manso
Marketeer
O nosso Portugal antigo com o amigo chinês
Alberto Carvalho Neto
Presidente da AJEPC
DISCURSO DIRETO
«Tenho muito orgulho das minhas raízes portuguesas»
Lori Trahan
ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA
«O que eu aprendi desde criança foi a valorizar o que se faz»
Andrea Fonseca
ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA
«Vou ser sempre portuguesa»
Maria de Vasconcelos
ALEMANHA
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ