ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Montalegre espera 'avalanche' de visitantes para a última sexta-feira 13 do ano
Revista PORT.COM • 13-Jul-2018
Montalegre espera 'avalanche' de visitantes para a última sexta-feira 13 do ano



Montalegre celebra hoje a última sexta-feira 13 do ano e prepara-se para receber uma 'avalanche' de visitantes nesta 'noite das bruxas' que dá movimento a toda a economia local.

O calendário ditou uma sexta-feira 13 em julho, tempo de calor, de férias e de regresso de emigrantes, pelo que Montalegre espera milhares de visitantes para esta que é uma das maiores festas de rua do país.

O presidente da autarquia, Orlando Alves, prevê "uma avalanche de gente" para hoje, dia em que, segundo o autarca, os protagonistas são precisamente os visitantes que se transformam em bruxas, demónios, figuras do além ou duendes.

Depois, ‘ao dobrar de cada esquina’, haverá um palco ‘onde acontece música’.

A dimensão da festa obriga a que, em cada edição, sejam melhoradas a organização e as condições de segurança, pelo que deixou de ser possível a atuação de grupos ambulantes pelas artérias da vila, o que o responsável reconhece que «tirou alguma singularidade» ao evento.

A festa em Montalegre arranca às 13H13 de hoje e o ponto alto continua a ser protagonizado pelo padre António Fontes, a quem cabe fazer a tradicional queimada, uma bebida feita à base de aguardente, limão, maçã, canela e açúcar e que “esconjura todos os males”.

O espetáculo no castelo é também feito de luz, cor e ritmo e termina com um fogo-de-artifício. Depois, será a vez da banda Blind Zero atuar.

Orlando Alves referiu que a organização do evento custa à volta de 160 mil euros, mas que o retorno para Montalegre "é muito maior".

A "noite das bruxas" é festejada desde 2002, em todas as sextas-feiras 13, e tornou-se numa das bandeiras de Montalegre e "num peso pesado" na promoção deste município do distrito de Vila Real.

Em 2018, assinalam-se duas sextas 13, uma em abril e outra, agora, em julho.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Portugal hoje, um país que incentiva ao regresso
Paulo Pisco
Deputado do PS eleito pelos portugueses na Europa
De olhos postos em África com uma estratégia de futuro
Peter Dawson
Presidente do grupo Garland
Não há tempo para se perder tempo!
Vítor Ramalho
Secretário-Geral da UCCLA
DISCURSO DIRETO
O português que ajudou a 'erguer' as memórias do World Trade Center
Luís Mendes, arquiteto
ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA
«Mobilidade no espaço da lusofonia é um dos maiores desafios»
Teresa Ribeiro, SENEC
PORTUGAL
The last man on the moon
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ