ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Filme premiado e produzido por docente da UTAD estreia em salas de cinema da Rússia
Revista PORT.COM • 22-Out-2018
Filme premiado e produzido por docente da UTAD estreia em salas de cinema da Rússia



‘Uma Vida Sublime’ de Luís Diogo e produzido em conjunto com António Costa Valente, docente da Escola de Ciência e Tecnologia da Universidade de Trás-os-Montes e Alto (UTAD), estreou, a 18 de outubro, nos cinemas da Rússia.

Após as ante estreias em Moscovo e São Petersburgo, com salas cheias e sessões muito participadas, o filme percorre agora várias cidades da Rússia. À margem da estreia da longa-metragem de Luís Diogo, acaba também de receber o “Diploma Especial” da "Associação Russa de Críticos de Cinema" pela "Persuasão e charme de um realismo impressionante".

Este foi um dos dois prémios atribuídos por esta associação entre os 10 filmes a concurso no Bridge of Arts, International Motivational Film Festival, que decorreu em Rostov, Rússia, entre 10 e 15 de outubro, e onde o presidente do Júri oficial foi o ator Eric Roberts, irmão de Julia Roberts.

Com esta distinção, o filme alcançou 26 prémios, em 43 festivais, encontrando-se nomeado para mais alguns eventos internacionais, que deverão acontecer nos próximos meses. «Este é já um dos filmes mais premiados do cinema português».

 A estreia na Rússia teve lugar em mais de 20 salas de cinema, nas cidades de Moscovo, São Petersburgo, Rostov-on-Don, Saratov, Novosibirsk, Perm, Yekaterinburg, desde a capital à Sibéria, passando pelos montes Urais. Na Bielorrússia o filme irá estrear na capital, Minsk.

 Com produção conjunta da Filmógrafo e Cine Clube de Avanca, esta longa metragem foi filmada, em parte, durante o Festival de Cinema AVANCA 2016, integrando o projeto “Creative Film Workshops”, tendo sido igualmente filmada em cidades como Castelo Branco, Paços de Ferreira, Porto e Santo Tirso.

 O filme conta a história de um médico que tem uma «vida sublime», mas para quem a tristeza é verdadeiramente um problema. Inesperadamente usa métodos radicais na esperança de voltar a injetar de vida pessoas que, segundo ele, já não a desfrutam.

Este filme é protagonizado, para além de Eric da Silva, por Rui Oliveira e pela atriz Susie Filipe que é também baterista da banda “Moonshiners”.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Portugal hoje, um país que incentiva ao regresso
Paulo Pisco
Deputado do PS eleito pelos portugueses na Europa
De olhos postos em África com uma estratégia de futuro
Peter Dawson
Presidente do grupo Garland
Não há tempo para se perder tempo!
Vítor Ramalho
Secretário-Geral da UCCLA
DISCURSO DIRETO
O português que ajudou a 'erguer' as memórias do World Trade Center
Luís Mendes, arquiteto
ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA
«Mobilidade no espaço da lusofonia é um dos maiores desafios»
Teresa Ribeiro, SENEC
PORTUGAL
The last man on the moon
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ