ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

 Daniel Bastos apresentou livro sobre a emigração portuguesa em Coimbra
Revista PORT.COM • 13-Dez-2016
Daniel Bastos apresentou livro sobre a emigração portuguesa em Coimbra



A sessão de apresentação em Coimbra incluiu a inauguração de uma exposição fotográfica evocativa da ligação de Gérald Bloncourt a Portugal, que estará durante os próximos três meses patente ao público na cidade dos estudantes. 

O historiador Daniel Bastos apresentou, em Coimbra, o livro “Gérald Bloncourt - O olhar de compromisso com os filhos dos Grandes Descobridores”.

O livro, concebido e realizado pelo historiador natural de Fafe Daniel Bastos a partir do espólio do conhecido fotógrafo que imortalizou a história da emigração portuguesa para França nos anos de 1960, foi apresentado na FNAC de Coimbra, numa sessão que esteve a cargo do sociólogo Pedro Góis, professor na Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra e investigador do Centro de Estudos Sociais na área das Migrações Internacionais.

No decurso da sessão, Pedro Góis qualificou o livro, que se encontra traduzido para para português e francês pelo docente Paulo Teixeira, e é prefaciado pelo multipremiado ensaísta Eduardo Lourenço, como um “livro de memórias fundamentais para a compreensão da emigração portuguesa da segunda metade do séc. XX”.

Esta obra, que reúne testemunhos e imagens originais como as que fotógrafo francês de origem haitiana realizou sobre os emigrantes lusitanos nos bidonvilles dos arredores de Paris nos anos 60, também já foi apresentada nas capitais de distrito de Braga, Porto e Lisboa, assim como junto das comunidades portuguesas em Paris, Luxemburgo e Toronto.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Joe Silvey, um pioneiro da sociedade multicultural no Canadá
Daniel Bastos
Historiador
Sejam muito bem-vindos. Os Açores contam consigo!
Vítor Fraga
CEO da SDEA
As comunidades e a limpeza das matas
Paulo Pisco
Deputado do PS
DISCURSO DIRETO
Angola aqui e agora
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
«A lusofonia é o instrumento privilegiado de afirmação dos povos»
Vitor Ramalho
PORTUGAL
«Apostou-se muito no combate e pouco na prevenção»
Miguel Freitas
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ