ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Lisboa é a «rainha do mar» no novo livro de Barry Hatton
Revista PORT.COM • 29-Mar-2019
Lisboa é a «rainha do mar» no novo livro de Barry Hatton



O jornalista inglês afirma que o segredo da metrópole está na junção do legado cosmopolita do passado aos diversos testemunhos da atualidade.

"Rainha do Mar" é um guia para descobrir a capital lusa e um relato da história do país até aos nossos dias. Barry Hatton, correspondente da Associated Press e coautor da biografia de Maria de Lurdes Pintassilgo, dedica o seu novo livro a Portugal e, em particular, a Lisboa e aos seus habitantes.

«Lisboa é uma das poucas capitais europeias onde se pode ver roupa interior a secar no centro da cidade», escreve. «Uma das mais pequenas capitais da União Europeia (UE), de um país que passa despercebido no extremo desse bloco, e está mais perto de África do que da sede da UE em Bruxelas, e não apenas no sentido geográfico» conta o jornalista e acrescenta ainda que «os universitários estrangeiros chamam a Portugal o Marrocos da Europa e dizem-no como um elogio».

Desde o século VII antes de Cristo até ao final do século XX, Barry aborda Lisboa em diversos aspetos. Destaca a Expo 98 como «o rastilho daquilo que ficou conhecido como o Big Bang de Lisboa» e «um símbolo de uma desejada reformulação mais alargada de Portugal».

O edifício Centro Cultural de Belém (CCB) é considerado pelo autor «demasiado monolítico para ser humilde e demasiado insípido para ser importante», «baixo e atarracado». Construído próximo do Mosteiro dos Jerónimos «propositadamente para recordar à CEE o glorioso passado de Portugal», acabou por «ficar diminuído» pelo contraste, sendo um «edifício para esquecer e uma oportunidade perdida para exprimir algo sobre Portugal moderno».

Com o selo do Clube do Autor, o livro «é para todos aqueles que partilham o afeto por Lisboa ou desejam ser seduzidos». Barry Hatton descreve a cidade como «rainha do mar» com «radiância da história imperial, de quando era centro nevrálgico das extensas possessões coloniais». Apesar «de tudo o que perdeu», o «legado cosmopolita de Lisboa confere-lhe um intrigante sabor exótico que é único na Europa», escreve o autor de "Os Portugueses".


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Pacto Ecológico Europeu – uma primeira avaliação
Francisco Ferreira
Presidente da Direção da ZERO
Nação luso-brasileira
Igor Pereira Lopes
Jornalista e escritor
Vidas Sem Fronteiras
Daniel Bastos
Historiador
DISCURSO DIRETO
«Cada vez faz menos sentido falar de emigração»
José Cesário, Deputado do PSD
PORTUGAL
O Projeto de Mobilidade na CPLP
Augusto Santos Silva, Ministro dos Negócios estrangeiros
PORTUGAL
O Devir da Lusofonia
Isabelle de Oliveira, Investigadora
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ