ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Mogadouro e a vila francesa de Groslay são agora geminadas
Revista PORT.COM • 06-Jul-2019
Mogadouro e a vila francesa de Groslay são agora geminadas



O município transmontano de Mogadouro e a vila francesa de Groslay assinaram uma carta de geminação, que visa partilhar experiências económicas, sociais e culturais entre as duas vilas.

«Os emigrantes portugueses representam o principal meio de internacionalização das nossas vivências, tradições, costumes saberes e língua, agindo no placo das realizações internacionais mediadas pelo fenómeno da globalização, como força motriz de expansão e difusão da nossa identidade cultural pelo mundo», disse Francisco Guimarães, presidente do Município de Mogadouro, à agência Lusa.

A vila Groslay é uma comuna no departamento de Val-d'Oise em Île-de-France, no norte da França. Está localizada a 15 quilómetros do norte de Paris e conta com cerca de 8.700 mil habitantes, dos quais mais de um milhar são emigrantes provenientes do Norte de Portugal, e onde Mogadouro tem uma forte representação ao nível social, através da "Associação Mogadouro no Coração".

«Com esta geminação pretendemos mobilizar as nossas comunidades e favorecer a troca de experiências com ações a desenvolver e que irão privilegiar a cooperação nos domínios da cidadania, do intercâmbio a nível escolar, da juventude, do desporto, do desenvolvimento económico e da promoção do território», ao nível do «turismo, património ou tradições», vincou o autarca de Mogadouro.

Os municípios de Groslay e Mogadouro já haviam assinado um pacto de amizade, em 2013, o que deu origem a esta carta de geminação entre as duas localidades.

Os franceses são esperados em Mogadouro nos dias 26 e 27 de outubro para conhecerem esse território do distrito de Bragança e confirmarem, assim, a geminação.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
A sua atitude de confiança conta: não só com o vírus...
Susana Cor de Rosa
Consultora empresarial
Os efeitos do medo do coronavírus...
Daniel Bastos
Historiador
Novo Coronavírus provoca epidemia com desfecho imprevisível
Alfredo Martins
Internista e Coordenador do NEDResp
DISCURSO DIRETO
A Fundação ISS e o apoio na África Lusófona
Eulalia Devesa, Diretora da Fundação ISS Mais Um Sorriso
PORTUGAL
«Cada vez faz menos sentido falar de emigração»
José Cesário, Deputado do PSD
PORTUGAL
O Projeto de Mobilidade na CPLP
Augusto Santos Silva, Ministro dos Negócios estrangeiros
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ