ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Associação Abraço lança IV edição da agenda solidária
Revista PORT.COM • 16-Out-2019
Associação Abraço lança IV edição da agenda solidária



Já está disponível a IV edição da agenda solidária, uma criação conjunta entre a Associação Abraço e 3 hospitais nacionais. As verbas angariadas destinam-se “à melhoria da prestação de cuidados de saúde a crianças nos serviços de pediatria e na Associação Abraço”, foi anunciado.

Depois do sucesso das últimas edições, com mais de 18 mil unidades vendidas, a Abraço volta a lançar a agenda para 2020, com o tema “A Minha Familia”, numa iniciativa conjunta entre a instituição e Associações dos Serviços de Pediatria do Hospital da Ilha Terceira (Amigos da Pediatria da Ilha Terceira), do Hospital de Ponta Delgada (Grupo de Amigos da Pediatria do Hospital de Ponta Delgada), e do Hospital Prof. Doutor Fernando Fonseca (Fernandinhos & Companhia).

A escolha do tema “não foi deixada ao acaso, uma vez que se pretende dar destaque aos outros conceitos de família existentes e à forma como as crianças o percecionam”, revela a Abraço. 

Assim, nesta nova edição, “surgem ilustrações dos nossos mais pequeninos que retratam famílias monoparentais, compostas apenas por um dos progenitores: pai ou mãe biológica ou adotiva; famílias homoparentais, constituídas por um casal do mesmo sexo; e famílias alargadas, em que coabitam, para além do(s) progenitor(es) e das crianças, parentes ascendentes, descendentes e/ou colaterais”.

Os retratos das “novas” famílias, não são assim tão surpreendentes, uma vez que a realidade atual é muito mais vasta e rica. “Nos nossos dias, as famílias são dominadas pela sua dimensão afetiva e pelo amor, quer seja ele romântico, conjugal e/ou parental. 

Esta agenda solidária, ilustrada pelas crianças utentes das instituições aderentes, pretende transmitir a mensagem de que o que importa realmente numa família é o amor”, explica a associação. 

Ainda que o conceito de família tenha evoluído ao longo do tempo, em grande parte devido às alterações sociais, culturais, políticas, religiosas ou legais, tradicionalmente o conceito designa o conjunto de pessoas que possuem um grau de parentesco entre elas e vivem na mesma casa, formando assim um lar.

A família dita “tradicional” é normalmente constituída por pai e mãe, unidos pelo matrimónio ou por união de facto e por um ou mais filhos, originando assim uma família nuclear ou elementar. Porém, a realidade atual, pressupõe novas dinâmicas.

“Acima de tudo, importa que a criança seja amada no seu lar e apoiada por todos os elementos da sua família. O modelo tradicional pouco importa, desde que o afeto e o apoio no processo de socialização e desenvolvimento sejam prestados à criança”, sublinha a mentora deste projeto.

No formato 12X18 cm, são 188 páginas de imaginação e cor, páginas de notas, calendário anual com vista semanal e um separador mensal ilustrado.A agenda está disponível desde 14 de outubro e poderá ser adquirida, por 5 euros, nas Instalações da Associação Abraço (Lisboa, Porto e Funchal), ou online via facebook e site; nos hipermercados Continente e lojas Note da Região Autónoma dos Açores e facebook da APIT – Amigos da Pediatria da Ilha Terceira.

As verbas angariadas vão contribuir para “a prestação de melhores cuidados de saúde”.

 


Etiquetas
Partilhar

NOTÍCIAS RELACIONADAS
OPINIÃO
A relação entre Portugal e a sua Diáspora...
José Luís Carneiro
Implicações políticas da participação eleitoral nas comunidades
Paulo Pisco
Deputado do PS
Porque não te calas?
José Caria
Diretor-Adjunto PORT.com
DISCURSO DIRETO
Mar de Sonhos – a emigração nos vapores transatlânticos
Daniel Bastos, Historiador
PORTUGAL
ENTREVISTA
Berta Nunes, secretária de Estado das Comunidades
PORTUGAL
ENTREVISTA
António Saraiva, Presidente da CIP
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ