ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Escritora guineense lança obra infanto-juvenil «O Abutre Vaidoso» na UCCLA
Revista PORT.COM • 05-Nov-2019
Escritora guineense lança obra infanto-juvenil «O Abutre Vaidoso» na UCCLA



A escritora guineense Kátia Casimiro vai lançar o seu mais recente trabalho infanto-juvenil «O Abutre Vaidoso», no dia 9 de novembro, às 17h30, no auditório da UCCLA.

Com a chancela da Editorial Novembro, o livro será apresentado por Adela Figueroa Panisse, escritora, ativista ambiental e da defesa da língua galega, e Tony Tcheka, poeta escritor, jornalista e presidente da Aegui.

Biografia de Kátia Casimiro

Ivanilde Kátia Rodrigues Casimiro nasceu em 1979 na cidade de Bissau, Guiné-Bissau. Residente em Portugal há 37 anos.

 

Autora e participante na 88.ª Feira do Livro de Lisboa com a obra infanto-juvenil “Íris e o jogo das cores", Chiado Editora, 2018.

 

Contadora de estórias da Guiné-Bissau no 1.° Festival Infanto-juvenil de Língua Portuguesa - Travessia das Letras, Templo da Poesia, Oeiras, 2019. Representante da Guiné-Bissau no 1.° e 2.° Encontro Culturas Poéticas - Tertuliana, 2018 e 2019.

 

Autora dos poemas "Corre Criança Corre!" e "Gosto" - XII e XIII encontro poético da LAHSM (Liga dos amigos hospital Santa Marta), 2017 e 2018.

 

Autora do “Tributo a Tony Tcheka”- I Volume da obra: Tributo - Homenagem a Autores Marcantes da Literatura Universal, da Chiado Books, 2019.

Autora  do Conto de Natal "O par de sapatinhos " na coletânea Natal em palavras da Chiado Books, 2018.

 

Autora  de micro ficção na coletânea "SMS " Chiado Books, 2019.

 

Autora de “Uma carta de amor” na coletânea "3/4 de um amor” da Chiado Books, 2019.

Representante da Guiné-Bissau no “Maio Mês da lusofonia”, Fábrica Braço Prata com o tema “A literatura guineense: contribuição para a identidade de um povo”.

 

Representante da Guiné-Bissau no IX Encontro de Escritores da Língua Portuguesa, organizado pela UCCLA e com o tema “Contos tradicionais infantis - a sua importância”, 2019.

 

Representante e mediadora da Guiné-Bissau - ÁFRICA NO FEMININO - dia internacional da mulher africana (OMA/AMMA/Junta Freguesia Larangeiro e Feijó).

 

Autora do poema “ Amor” na coletânea “ Entre o sono e o sonho" da Chiado Books, 2019.

 


Etiquetas
Partilhar

NOTÍCIAS RELACIONADAS
OPINIÃO
A relação entre Portugal e a sua Diáspora...
José Luís Carneiro
Implicações políticas da participação eleitoral nas comunidades
Paulo Pisco
Deputado do PS
Porque não te calas?
José Caria
Diretor-Adjunto PORT.com
DISCURSO DIRETO
Mar de Sonhos – a emigração nos vapores transatlânticos
Daniel Bastos, Historiador
PORTUGAL
ENTREVISTA
Berta Nunes, secretária de Estado das Comunidades
PORTUGAL
ENTREVISTA
António Saraiva, Presidente da CIP
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ