ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Galo de Barcelos ‘anuncia’ o Ano Novo Chinês em Macau
Revista PORT.COM • 28-Jan-2017
Galo de Barcelos ‘anuncia’ o Ano Novo Chinês em Macau



Hoje comemora-se a entrada no Ano Novo Chinês, a mais longa e importante festividade do calendário lunar.

Depois de anos a cantar como souvenir de Macau, o galo de Barcelos figura na 'crista' das celebrações do Ano Novo Chinês, servindo de inspiração a formas e cores do animal do zodíaco que entra em cena a cada 12 anos.

O galo de Barcelos surge há anos em diferentes montras espalhadas pela cidade, principalmente de lojas de recordações - sob a forma de miniaturas, porta-chaves e mealheiros, ou pintado em t-shirts ou aventais - como um souvenir de Macau, por razões que o próprio universo do turismo parece desconhecer.

Segundo a Lusa, nem turistas nem vendedores sabem explicar realmente por que razão o galo de Barcelos figura como um símbolo de Macau, território que deixou de ser um enclave português em 1999.

Em três lojas de lembranças diferentes, perto do 'ex-libris' da cidade, abundam galos de Barcelos de diferentes cores e tamanhos - uns com a inscrição "Portugal", outros com a palavra "Macau" e outros sem qualquer indicação relativa à origem.

A imagem surge com desejos de bom ano aos clientes, com o comércio a usar o galo de Barcelos como 'chamativo' durante os dias que antecedem a subida do galo ao poleiro do Ano Novo chinês.

Mas o Galo de Barcelos é bem mais do que um souvenir em Macau. A título de exemplo, empresta a sua forma e cores garridas a um óleo da medicina tradicional chinesa para curar dores da coluna, encontrado à venda numa farmácia popular local.

O galo surge também na edição especial do clássico jogo "Monopólio", de 2015, como um dos oito 'tokens', lado a lado com as Ruínas de São Paulo, um pastel de nata, ou um carro de corrida que simboliza o Grande Prémio de Macau.

Com os preparativos para dar as boas-vindas ao Ano Lunar do Galo - que vai reinar por 12 meses a partir de hoje -, a imagem do galo de Barcelos ganhou um novo ímpeto.

Foi nele que Wilson Lam se inspirou quando fez o 'design' da emissão filatélica especial do Ano Novo Lunar, a qual ilustra o galo de Barcelos, "um ícone português bem conhecido e integrado na cultura de Macau", como descrevem os Correios.

Wilson Lam explicou mesmo que recorreu ao galo de Barcelos por "simbolizar a harmonia entre as culturas" portuguesa e chinesa, embora reconheça que, aos olhos da maioria dos turistas, o galo de Barcelos poderá ser percecionado como um símbolo exclusivo de Macau - e não de Portugal -, o que também sucede, aliás, com o pastel de nata.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Macau: uma oportunidade ainda a descobrir
Alberto Carvalho Neto
Presidente da AJEPC
A importância da participação eleitoral nas comunidades
José Luís Carneiro
SECP
4 pilares para a prevenção de Alzheimer
George Perry
Diretor da Fac. de Ciências da Univ. do Texas
DISCURSO DIRETO
A preservação da memória e identidade da emigração portuguesa na toponímia
Daniel Bastos, Historiador
PORTUGAL
Portugal a votos
José Caria, Diretor-Adjunto da PORT.com
PORTUGAL
Lusos em Luanda
Jack Soifer, Consultor Internacional
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ