ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Parque Jurássico da Lourinhã quer atrair turistas para a região Oeste
Revista PORT.COM • 24-Out-2016
Parque Jurássico da Lourinhã quer atrair turistas para a região Oeste



O complexo abre ao público em 2018 e espera 200 mil visitantes por ano.

O Parque Jurássico da Lourinhã, um investimento de 3,5 milhões de euros a entrar em construção em 2017, vai atrair turistas e dinamizar a economia na região Oeste.

Segundo o Turismo de Portugal, “o Parque dos Dinossauros da Lourinhã promete ser um projeto de grande impacto para o desenvolvimento turístico da região. A elevada capacidade faz com que a atração de turistas para a região possa ser incrementada e, desse modo, garanta também a dinamização da economia regional”.

O projeto corresponde a um investimento de 3,5 milhões de euros, dos quais dois milhões são financiados por fundos comunitários já aprovados, no âmbito do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização – COMPETE 2020.

Para o Turismo de Portugal, o Parque Jurássico da Lourinhã é um “projeto de características marcadamente diferenciadoras, tomando como base um recurso particularmente relevante do ponto de vista científico e histórico” – achados de dinossauros com 150 milhões de anos.

Na quinta-feira, os promotores alemães, detentores do Dinopark, um museu dos dinossauros localizado na cidade alemã de Münchenagen, referiram em comunicado que a aprovação da candidatura a fundos comunitários é “um passo determinante para a concretização do projeto”.

Com o financiamento garantido, estimam desenvolver ainda este mês “medidas de preparação na área do parque” e apontam para 2017 a construção de um parque ao ar livre, com várias dezenas de réplicas de dinossauros em tamanho real, e de um edifício com área de exposição de achados paleontológicos, loja e laboratório de preparação de fósseis.

O Parque Jurássico da Lourinhã vai ocupar, numa primeira fase, dez dos 30 hectares do terreno onde funcionou a antiga lixeira municipal.

Desde há dez anos que a Câmara Municipal ambiciona ter um novo museu, para dar a conhecer os achados paleontológicos daquela que é considerada a ‘capital dos dinossauros’ em Portugal. Contudo, o projeto, cujas construção e abertura ao público chegaram a ser anunciadas várias vezes, tem vindo a ser adiado por falta de financiamento.

Para ser concretizado, foi redimensionado e o investimento foi reduzido de 20 para 3,5 milhões de euros.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
O retrato dos votos da emigração
José Caria
Diretor-adjunto da PORT.COM
Momentos de partilha
Nuno Pinto Magalhães
Diretor de Relações Internacionais da SCC
O acervo bibliográfico sobre a emigração portuguesa
Daniel Bastos
Historiador
DISCURSO DIRETO
Dia de Portugal e 5.º aniversário da Revista PORT.COM
Marcelo Rebelo de Sousa
PORTUGAL
Língua portuguesa, um passaporte para o presente e para o futuro
Luís Faro Ramos, pres. do Camões I.P.
PORTUGAL
Função de grande responsabilidade e relevância social
José Luís Carneiro, SEC
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ