ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Centro de Portugal tem 73 praias com bandeira azul
Revista PORT.COM • 29-Abr-2018
Centro de Portugal tem 73 praias com bandeira azul



A qualidade das praias do Centro de Portugal voltou a ser reconhecida pela Associação Bandeira Azul da Europa (ABAE). A praia da Torreira, no concelho da Murtosa, vai receber a cerimónia oficial de hastear da primeira Bandeiras Azul de 2018, no dia 1 de junho.

Na lista das praias que vão poder exibir a bandeira azul nesta época balnear, constam 73 da região Centro de Portugal: 49 costeiras e 24 interiores (fluviais). 

No total, são 332 as praias nacionais distinguidas este ano com a bandeira azul, estando 22 por cento das praias galardoadas no Centro de Portugal. Nas praias interiores, o predomínio da região é particularmente significativo, com 24 das 33 praias distinguidas a situarem-se nos concelhos da maior região de turismo do país.

Segundo o Turismo do Centro, este é um «sinal de que a qualidade das águas nesta região continua a ser de qualidade irrepreensível e acima de qualquer suspeita».

O destaque vai para a Praia de Mira que, além de receber a Bandeira Azul pelo 32.º ano consecutivo, é a única zona balnear do mundo com Bandeira Azul desde a sua criação, em 1987. A embarcação de ecoturismo Argus, sediada na Nazaré, também conquistou o galardão.

Segundo os critérios definidos pelo programa Bandeira Azul – Informação e Educação Ambiental; Qualidade da Água; Gestão Ambiental e Equipamentos; Segurança e Serviços –, são estas as zonas balneares integrantes da região de Turismo Centro de Portugal distinguidas com Bandeira Azul em 2018:

Praias Costeiras:

Esmoriz, Cortegaça, São Pedro de Maceda, Furadouro e Torrão do Lameiro (Ovar); Torreira, Monte Branco e Bico (Murtosa); São Jacinto (Aveiro); Barra e Costa Nova (Ílhavo); Vagueira e Areão (Vagos); Poço da Cruz e Praia de Mira (Mira); Praia da Tocha (Cantanhede); Quiaios, Buarcos, Figueira da Foz-Relógio, Cova Gala e Leirosa (Figueira da Foz); Osso da Baleia (Pombal); Pedrógão (Leiria); Paredes de Vitória e São Martinho do Porto (Alcobaça); Nazaré (Nazaré); Praia do Mar e Foz de Arelho-Lagoa (Caldas da Rainha); Baleal Norte, Baleal Sul, Cova da Alfarroba, Gambôa, S. Bernardino, Medão-Supertubos e Consolação (Peniche); Areia Branca, Areia Sul e Porto Dinheiro (Lourinhã); Santa Rita Norte, Santa Rita Sul, Navio, Mirante, Pisão, Física, Santa Helena, Centro, Formosa, Azul e Porto Novo (Torres Vedras).

Praias Interiores:

Quinta do Barco (Sever do Vouga); Lapa dos Dinheiros e Loriga (Seia); Alvôco das Várzeas (Oliveira do Hospital); Piódão, Côja e Secarias (Arganil); Peneda e Canaveias (Góis); Vimieiro e Reconquinho (Penacova); Senhora da Graça, Bogueira e Senhora da Piedade (Lousã); Louçainha (Penela); Palheiros e Zorro (Coimbra); Valhelhas (Guarda); Pampilhosa da Serra, Pessegueiro e Santa Luzia (Pampilhosa da Serra); Bostelim (Vila de Rei); Carvoeiro (Mação); Aldeia do Mato (Abrantes) e Agroal (Ourém)

Embarcações de ecoturismo:

Argus (Nazaré)


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
A sua atitude de confiança conta: não só com o vírus...
Susana Cor de Rosa
Consultora empresarial
Os efeitos do medo do coronavírus...
Daniel Bastos
Historiador
Novo Coronavírus provoca epidemia com desfecho imprevisível
Alfredo Martins
Internista e Coordenador do NEDResp
DISCURSO DIRETO
A Fundação ISS e o apoio na África Lusófona
Eulalia Devesa, Diretora da Fundação ISS Mais Um Sorriso
PORTUGAL
«Cada vez faz menos sentido falar de emigração»
José Cesário, Deputado do PSD
PORTUGAL
O Projeto de Mobilidade na CPLP
Augusto Santos Silva, Ministro dos Negócios estrangeiros
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ