ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

'Brelcome': a campanha portuguesa já chegou à Escócia
Revista PORT.COM • 15-Abr-2019
'Brelcome': a campanha portuguesa já chegou à Escócia



A campanha criada no âmbito do plano de contingência de Portugal para o Brexit foi saudada pelos escoceses que também quiseram deixar uma mensagem.

É tema de conversa em todos os noticiários, de manhã à noite, em televisões, rádios e jornais, e embora nem todos saibam do que se trata, alguns têm ideia das consequências que podem surgir - a curto e a longo prazo.

O Brexit, a saída de Inglaterra da União Europeia, fez e faz correr muita tinta. Portugal fez uma mensagem de boas-vindas aos cidadãos britânicos intitulada “Brelcome”. A Escócia dirigiu uma mensagem ao país lusitano, agradecendo a campanha e deixando também um recado de 30 segundos:

«Ei, Europa! A Escócia tem uma mensagem para vocês. Do nosso povo, das nossas universidades, dos nossos negócios, do fundo dos nossos corações. O nosso lindo país está aberto para vocês, os nossos braços estão abertos, as nossas mentes estão abertas, e sim, às vezes, as nossas nuvens estão abertas também, mas não deixem que isso vos desmotive. Europa, vamos continuar o nosso caso amoroso. A Escócia está aberta. A Escócia é agora.»

A campanha portuguesa “Brelcome”, de acordo com o Turismo de Portugal, já chegou a mais de oito milhões de pessoas, «pela forma genuína mas também inovadora como comunica o destino turístico», descreve um comunicado. Esta campanha foi desenvolvida no âmbito do plano de contingência de Portugal para o Brexit, num investimento de 200 mil euros, plano esse que «garante aos britânicos que irão manter as condições de viagem de que beneficiam atualmente - designadamente isenção de vistos, criação de corredores dedicados nos aeroportos, utilização dos seguros de saúde ou reconhecimento das cartas de condução».


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Portugal hoje, um país que incentiva ao regresso
Paulo Pisco
Deputado do PS eleito pelos portugueses na Europa
De olhos postos em África com uma estratégia de futuro
Peter Dawson
Presidente do grupo Garland
Não há tempo para se perder tempo!
Vítor Ramalho
Secretário-Geral da UCCLA
DISCURSO DIRETO
O português que ajudou a 'erguer' as memórias do World Trade Center
Luís Mendes, arquiteto
ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA
«Mobilidade no espaço da lusofonia é um dos maiores desafios»
Teresa Ribeiro, SENEC
PORTUGAL
The last man on the moon
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ