ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Pode boiar como no Mar Morto nas salinas de Castro Marim
Revista PORT.COM • 28-Mai-2019
Pode boiar como no Mar Morto nas salinas de Castro Marim



Existem em Portugal duas piscinas salgadas abertas ao público, sendo que existem cinco conjuntos de salinas no país, segundo a Direção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos.

Na Salina Barquinha, em Castro Marim, no Algarve, o sal é produzido há quase dois mil anos através da água proveniente do estuário do rio Guadiana.

Em Castro Marim pode-se tomar um banho salgado e boiar numa piscina com 250 gramas de sal por litro. A Salina Barquinha pode ser visitada de quarta-feira a domingo, entre as 10H00 e as 18H00. 

«Para usar a piscina salgada, aberta de meados de novembro a princípios de abril, não é necessário fazer reserva prévia. As entradas custam 6 euros por adulto e 3 euros abaixo dos 14 anos. Há ainda a opção de escolher um banho e um tratamento de argila, 12 euros», informa a revista online NiT.

Além destes banhos minerais, há visitas guiadas ao espaço. Com duração de uma hora, esta atividade custa 10 euros por adulto e 5 euros para menores de 14 anos em grupos de menos de quatro pessoas. Para grupos maiores, os preços diminuem para 6 euros e 3 euros, respetivamente.

 

As salinas de Aveiro

Na Ria de Aveiro encontram-se as salinas de Aveiro, que têm uma junção de água doce dos rios Vouga e Antuã e de água salgada oceânica.

As salinas de Aveiro estão abertas ao público entre 15 de julho e 15 de setembro para os “Banhos Salgados”. «A atividade decorre numa piscina feita com as lamas que constroem a marinha», explica a publicação.

Segundo a NiT, a água é extremamente salina, o que permite boiar numa experiência descrita por muitos como similar à do Mar Morto e contém nutrientes e minerais na água e na lama são benéficos para a circulação sanguínea e hidratação da pele.

A piscina está aberta ao público das 10H00 às 19H00, dependendo do clima, sendo que os banhos salgados custam 4 euros por pessoa para um dia inteiro. A salina está aberta todos os dias de março a outubro. No inverno encerra à segunda-feira.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Significado das próximas eleições para a Assembleia da República
Paulo Pisco
Deputado do PS
Incêndios rurais: prevenir é mesmo o melhor remédio
Miguel Freitas
Sec. de Estado das Florestas
Por um regresso seguro a casa
José Artur Neves
Sec. de Estado da Proteção Civil
DISCURSO DIRETO
Monumentos ao emigrante em Portugal
Daniel Bastos, Historiador
PORTUGAL
Defesa de nova visão sobre as comunidades portuguesas
José Luís Carneiro
PORTUGAL
Um eterno e constante devir....
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ