ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Santuário de Fátima aposta na investigação científica
Revista PORT.COM • 06-Fev-2018
Santuário de Fátima aposta na investigação científica



O Santuário de Fátima está a apostar na 'promoção do conhecimento como capital científico importante para a compreensão dos fenómenos religiosos e legados culturais' que lhes estão associados, no âmbito de um protocolo celebrado recentemente.

Trata-se de uma "cooperação estratégica" entre o Santuário de Fátima, através do seu centro de estudos, "com instituições de investigação e ensino superior públicas portuguesas e estrangeiras", tendo como objetivo a promoção "do diálogo com as culturas contemporâneas".

"Cada vez mais se torna relevante recolocar os temas ligados à religião e à espiritualidade no centro da investigação científica e da formação universitária para suprir lacunas graves de iliteracia cultural neste domínio e colmatar falhas de conhecimento crítico de uma dimensão densa e muitas vezes modelar da nossa herança cultural, artística, literária e filosófica", considera o santuário em comunicado.

O protocolo de cooperação foi celebrado com uma unidade de investigação pública adstrita à Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), o Centro de Literaturas e Culturas Lusófonas e Europeias (CLEPUL) pertencente à Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.

Tal aconteceu "através da sua cátedra FCT/Infante Dom Henrique para os Estudos Insulares Atlânticos e a Globalização (CIDH), acolhida na Universidade Aberta (UAb) no seu polo do CLEPUL, e em parceria com o Instituto Europeu de Ciências da Cultura Padre Manuel Antunes (IECCPMA)", refere o Santuário de Fátima.

O protocolo prevê as condições para "a promoção de atividades conjuntas na área de investigação, bem como no planeamento e realização de seminários, ações de formação e eventos culturais, artísticos e científicos, em particular através da criação do Gabinete de Estudos Fátima Global".

Segundo o santuário, este gabinete "será inserido no CLEPUL, em articulação com a CIDH/UAb e o IECCPMA, para o estudo científico do fenómeno de Fátima".

Neste sentido, "será feita a atribuição conjunta de bolsas para contratar pesquisadores especializados que farão investigação e formação avançada neste domínio de estudos, em articulação com o programa de Estudos Globais da Universidade Aberta em constituição com o Departamento de Média e Globalização da Universidade de Paris II - Panteón-Assas", explica.

A assinatura do protocolo realizou-se na sede da Universidade Aberta, em Lisboa.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Significado das próximas eleições para a Assembleia da República
Paulo Pisco
Deputado do PS
Incêndios rurais: prevenir é mesmo o melhor remédio
Miguel Freitas
Sec. de Estado das Florestas
Por um regresso seguro a casa
José Artur Neves
Sec. de Estado da Proteção Civil
DISCURSO DIRETO
As vivências da emigração portuguesa nos palcos do teatro
Daniel Bastos, Historiador
PORTUGAL
Defesa de nova visão sobre as comunidades portuguesas
José Luís Carneiro
PORTUGAL
Um eterno e constante devir....
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ