ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Implante para o tratamento da insuficiência cardíaca é colocado pela primeira vez em Portugal
Revista PORT.COM • 22-Set-2018
Implante para o tratamento da insuficiência cardíaca é colocado pela primeira vez em Portugal



Hospital de Santa Cruz inova no tratamento da insuficiência cardíaca.

A Unidade de Arritmologia de Intervenção do Serviço de Cardiologia do Hospital de Santa Cruz, Centro Hospitalar de Lisboa Ocidental, colocou, pela primeira vez na Península Ibérica, um dispositivo implantável para o tratamento da insuficiência cardíaca, que atuando por estimulação do músculo cardíaco durante o período refratário, aplica a terapia de Modulação de Contratilidade Cardíaca (CCM).

«O primeiro doente português a beneficiar deste dispositivo médico tem um seguimento superior a um mês e registou uma evolução muito favorável em linha com os resultados recentemente publicados», salienta Pedro Adragão, Coordenador da Unidade de Arritmologia de Intervenção do Hospital de Santa Cruz.

Um estudo clínico, publicado em maio no Journal of the American College of Cardiology (JACC), após apresentação em Boston durante o maior congresso mundial de arritmias cardíacas, mostrou uma redução significativa na taxa de mortalidade e de hospitalizações após intervenção com esta terapia (Modulação de Contratilidade Cardíaca).

Este tratamento, agora disponível em Portugal: «É uma esperança para doentes que, apesar da medicação otimizada, se mantêm com insuficiência cardíaca sintomática» reforça o médico Pedro Adragão, responsável pela introdução desta terapia na Península Ibérica.

Atualmente, a Alemanha é o país com maior experiência neste tratamento, com mais de 3 mil doentes tratados.

Estima-se que a insuficiência cardíaca afete cerca de 2 por cento da população adulta nos países desenvolvidos e mais de 10 por cento das pessoas acima dos 70 anos de idade. Esta doença carateriza-se pela incapacidade do músculo do coração em bombear sangue suficiente para todo o corpo e apresenta sintomas como a falta de ar (dificuldade em respirar), a fadiga e a retenção de líquidos.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
A sua atitude de confiança conta: não só com o vírus...
Susana Cor de Rosa
Consultora empresarial
Os efeitos do medo do coronavírus...
Daniel Bastos
Historiador
Novo Coronavírus provoca epidemia com desfecho imprevisível
Alfredo Martins
Internista e Coordenador do NEDResp
DISCURSO DIRETO
A Fundação ISS e o apoio na África Lusófona
Eulalia Devesa, Diretora da Fundação ISS Mais Um Sorriso
PORTUGAL
«Cada vez faz menos sentido falar de emigração»
José Cesário, Deputado do PSD
PORTUGAL
O Projeto de Mobilidade na CPLP
Augusto Santos Silva, Ministro dos Negócios estrangeiros
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ