ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Refrigerador magnético: o protótipo eco-friendly de uma equipa de investigadores do Porto
Revista PORT.COM • 07-Abr-2019
Refrigerador magnético: o protótipo eco-friendly de uma equipa de investigadores do Porto



Mais eficiente, menos poluente e sem fluídos, o protótipo de refrigerador magnético foi desenvolvido por investigadores do Instituto de Física dos Materiais da Universidade do Porto.

João Ventura, professor da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP) e responsável do projeto, explicou à agência Lusa que a equipa «foi a primeira a propor» a criação de um refrigerador magnético que «não usasse fluidos», mas sim um interruptor térmico (thermal swtich).

De acordo com o docente da FCUP, o projeto “Refrigeradores magnetocalóricos baseados em interruptores térmicos altamente eficientes” dá seguimento a uma investigação precedente de investigadores da FCUP e da Faculdade de Engenharia de Universidade do Porto (FEUP) e obteve uma patente provisório nacional e europeia.

João Ventura sublinhou que «nos refrigeradores magnéticos (frigoríficos) é necessário um fluido que leva o frio aos alimentos e transporta o calor dos alimentos para o exterior; é este fluido que nós queremos remover do refrigerador magnético, uma vez que a sua utilidade diminui fortemente a eficiência.

O protótipo apresentado retirou por «completo o fluído» e substituí-o por um interruptor térmico que «aumentou a eficiência do refrigerador».

O professor explicou que «a utilização de fluidos na refrigeração magnética implica que a frequência de operação destes refrigeradores seja baixa, o que diminui a eficiência. Por sua vez, os interruptores térmicos permitem aumentar a frequência e assim, aumentar a eficiência do equipamento».

A implementação da refrigeração magnética poderá resultar num «substancial decréscimo do consumo energético», reduzindo-o «até 35%, o que traz benefícios ao ambiente e ao cidadão, uma vez que o setor da refrigeração representa cerca de 17% do consumo total de energia elétrica do mundo», revelou João Ventura.

O docente adiantou ainda que a equipa de investigadores também está a trabalhar no desenvolvimento de «um protótipo do refrigerador magnético completo», financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT), com a colaboração da empresa inglesa Camfridge.

O objetivo da equipa é chegar ao mercado e «incorporar esta tecnologia em novos frigoríficos magnéticos».


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Portugal hoje, um país que incentiva ao regresso
Paulo Pisco
Deputado do PS eleito pelos portugueses na Europa
De olhos postos em África com uma estratégia de futuro
Peter Dawson
Presidente do grupo Garland
Não há tempo para se perder tempo!
Vítor Ramalho
Secretário-Geral da UCCLA
DISCURSO DIRETO
O português que ajudou a 'erguer' as memórias do World Trade Center
Luís Mendes, arquiteto
ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA
«Mobilidade no espaço da lusofonia é um dos maiores desafios»
Teresa Ribeiro, SENEC
PORTUGAL
The last man on the moon
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ