ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Epidemiologista responsável pelo combate ao Covid 19 na China partilha experiência com colegas europeus
Revista PORT.COM • 14-Mar-2020
Epidemiologista responsável pelo combate ao Covid 19 na China partilha experiência com colegas europeus



Nos passados dias 3 e 4 de março, Zhong Nanshan, o epidemiologista responsável pelos trabalhos de controle e prevenção do novo coronavírus na China, partilhou com Anita Simonds, da Sociedade Respiratória Europeia a experiência do país no combate ao surto, entretanto elevado a pandemia pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

No diálogo via videoconferência, Simonds inquiriu o médico chinês sobre o porquê de colocar as pessoas infetadas em hospitais de cabines em vez de os isolar em casa, no início do surto, pelo que Zhong explicou que: “A prioridade foi separar os casos infetados dos casos saudáveis. Por isso instalamos vários hospitais, e alas, e pedimos que ficassem lá. É para onde o enorme número de pacientes foi”.

A medida visava evitar que houvesse contágio entre membros da família.

A médica inquiriu sobre a eficiência do fecho de Wuhan, dizendo que, embora a Itália tenha entrado em quarentena, não é fácil para cidades europeias implementar tais medidas.

Zhong explica que na ausência de fármacos ou vacinas, a quarentena é ainda o mais antigo e mais eficiente meio de conter um surto.

Durante o vídeo, Zhong Nanshan proferiu um discurso intitulado “A Visão da China sobre a Gestão da Epidemia de Covid-19”.

Entre as várias medidas o médico destacou:

- Quarentena em Wuhan a 23 de janeiro: “Ninguém entra ou sai de Wuhan”

- Anúncio em tempo real do número de casos diagnosticados e suspeitos em todo o país”

- Mecanismo inter-institucional ativado (prevenção, deteção precoce, diagnóstico e isolamento)

De acordo com Zhong Nanshan, o surto atingiu o seu pico em fevereiro e deverá começar a ser contido em abril.

Zhong apelou, por fim, a que os países europeus em que sejam detetados casos de Covid-19, ajam com celeridade para conter a sua propagação. O epidemiologista reiterou a disponibilidade da China para a partilha de informações relevantes.

 

Fonte: PortuguesePeople


Etiquetas
Partilhar

NOTÍCIAS RELACIONADAS
OPINIÃO
Os efeitos do medo do coronavírus...
Daniel Bastos
Historiador
Novo Coronavírus provoca epidemia com desfecho imprevisível
Alfredo Martins
Internista e Coordenador do NEDResp
InPortugal 2020 Paris quer desenvolver nova rede de embaixadores
Ricardo Simões
Diretor do InPortugal
DISCURSO DIRETO
A Fundação ISS e o apoio na África Lusófona
Eulalia Devesa, Diretora da Fundação ISS Mais Um Sorriso
PORTUGAL
«Cada vez faz menos sentido falar de emigração»
José Cesário, Deputado do PSD
PORTUGAL
O Projeto de Mobilidade na CPLP
Augusto Santos Silva, Ministro dos Negócios estrangeiros
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ