ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Cortiça portuguesa na China
Revista PORT.COM • 05-Fev-2017
Cortiça portuguesa na China



A primeira iniciativa do programa InterCork III no país mais populoso do mundo contou com um stand em Pequim.

A Associação Portuguesa da Cortiça – APCOR está a investir 600 mil euros na China em ações de promoção e divulgação das rolhas e seus benefícios. O mercado chinês é o quinto maior consumidor de vinho a nível mundial e o quarto maior importador de vinhos engarrafados do mundo.

A primeira iniciativa do programa InterCork III nesse mercado contou com um stand no WalMart em Pequim. Em dois dias recebeu a participação de 600 pessoas, que receberam rolhas e bases de cortiça com o Galo de Barcelos impresso, visto que a China acaba de entrar no ano do Galo. Estão ainda previstas ações com líderes de opinião, formações com wine educators, incremento das plataformas digitais, programas de reciclagem, participação em feiras, parcerias com o retalho e visitas a Portugal.

“A China funciona como mercado influenciador e, neste sentido, queremos que conheçam as nossas propriedades e vantagens. O mercado australiano, por exemplo, tem voltado as atenções para a cortiça pela influência da clara preferência dos chineses pelas nossas rolhas, visto que, segundo o CRT Market Research, 84 por cento dos consumidores preferem comprar vinhos vedados com cortiça”, justifica João Rui Ferreira, presidente da APCOR. A promoção do mercado chinês teve início em 2011, com o primeiro InterCork, tendo já sido investidos 730 mil euros,

O programa InterCork, que inclui a promoção na China, é financiado pelo Compete 2020, Portugal 2020 e União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Os efeitos do medo do coronavírus...
Daniel Bastos
Historiador
Novo Coronavírus provoca epidemia com desfecho imprevisível
Alfredo Martins
Internista e Coordenador do NEDResp
InPortugal 2020 Paris quer desenvolver nova rede de embaixadores
Ricardo Simões
Diretor do InPortugal
DISCURSO DIRETO
A Fundação ISS e o apoio na África Lusófona
Eulalia Devesa, Diretora da Fundação ISS Mais Um Sorriso
PORTUGAL
«Cada vez faz menos sentido falar de emigração»
José Cesário, Deputado do PSD
PORTUGAL
O Projeto de Mobilidade na CPLP
Augusto Santos Silva, Ministro dos Negócios estrangeiros
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ