ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Mais de 800 empresas de capital estrangeiro criadas em 2017 em Portugal
Revista PORT.COM • 17-Fev-2018
Mais de 800 empresas de capital estrangeiro criadas em 2017 em Portugal



Mais de 800 empresas com controlo de capital estrangeiro foram criadas no ano passado em Portugal, sendo este o valor 'mais alto da década', a maioria das quais controladas por espanhóis e no setor dos serviços.

De acordo com a análise da Informa D&B, "em 2017 nasceram 815 empresas com controlo de capital estrangeiro, na sua maioria espanholas, quase o dobro do que foi registado em 2010, fenómeno que tem crescido desde 2013, atingindo em 2017 o valor mais alto da década".

Relativamente aos setores, um quarto (203) destas novas empresas era na área dos serviços, seguindo-se as das atividades imobiliárias (183) e das telecomunicações (73).

Ao todo, no ano passado, eram 9.705 as empresas portuguesas com participação estrangeira no seu capital (incluindo empresas com controlo de capital e sem controlo de capital).

Esta participação equivalia a 47% do volume de negócios, 72% do produto bancário, 92% dos prémios de seguros, 62% das exportações e 25% do emprego de todas as empresas.

"Os seguros, as telecomunicações e a banca são os setores que mostram mais abertura ao capital estrangeiro. Já no que toca ao volume de negócios gerado pelas empresas com controlo estrangeiro, este está maioritariamente concentrado nas indústrias, grossistas e retalho", aponta a Informa D&B.

A consultora assinala que "a presença de capital estrangeiro está a crescer através da constituição de novas empresas, mas também pela aquisição de empresas nacionais de todas as dimensões e setores".

"As operações de aquisição na banca e nos seguros contribuíram significativamente para o aumento do valor de investimento estrangeiro em empresas em Portugal", nota, referindo que "os grandes números associados às empresas com capital estrangeiro explicam-se pela preferência de participação no capital das empresas de maior dimensão".

Assim, no que toca às empresas com uma faturação superior a 50 milhões de euros, 64% têm participação estrangeira no seu capital e 48% têm controlo de capital estrangeiro.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
A sua atitude de confiança conta: não só com o vírus...
Susana Cor de Rosa
Consultora empresarial
Os efeitos do medo do coronavírus...
Daniel Bastos
Historiador
Novo Coronavírus provoca epidemia com desfecho imprevisível
Alfredo Martins
Internista e Coordenador do NEDResp
DISCURSO DIRETO
A Fundação ISS e o apoio na África Lusófona
Eulalia Devesa, Diretora da Fundação ISS Mais Um Sorriso
PORTUGAL
«Cada vez faz menos sentido falar de emigração»
José Cesário, Deputado do PSD
PORTUGAL
O Projeto de Mobilidade na CPLP
Augusto Santos Silva, Ministro dos Negócios estrangeiros
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ