ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Portugal poderá ter papel de destaque na Rota Marítima Atlântica
Revista PORT.COM • 02-Set-2018
Portugal poderá ter papel de destaque na Rota Marítima Atlântica



Segundo a Associação Amigos da Nova Rota da Seda, o Fórum de Cooperação China-África (FOCAC), que decorre a 3 e4 de setembro, em Pequim, vai contribuir para o desenvolvimento da Rota Marítima Atlântica, «em que Portugal poderá ter um papel importante».

A presidente da Associação Amigos da Nova Rota da Seda, Fernanda Ilhéu, sublinha as «muitas afinidades com a visão e os objetivos da cimeira entre China e nações africanas, entre os quais países de língua portuguesa», sustentando que «será previsível que sejam assinados projetos de cooperação no âmbito dessa iniciativa».

A Nova Rota da Seda foi criada em 2013 pelo Presidente chinês, Xi Jinping, e contempla uma malha ferroviária intercontinental, novos portos, aeroportos, centrais elétricas e zonas de comércio livre, visando ressuscitar vias comercias que remontam ao Império romano.

Os projetos são sobretudo construídos por empresas chinesas e financiados pelos bancos estatais da China, estendendo-se à Europa, Ásia Central, África e Sudeste Asiático.

«Temos a expetativa de que os países de língua portuguesa, que irão estar quase todos presentes, fazendo-se representar pelos seus Presidentes, adiram a essa iniciativa, contribuindo para o desenvolvimento da Rota Marítima Atlântica em que Portugal poderá ter um papel importante, perspetivando parcerias estratégicas enquadradas na iniciativa da China, 'Uma Faixa, Uma Rota', que consiste em promover a cooperação em projetos da China com a Europa em terceiros países, neste caso da China com Portugal, em projetos em países de língua portuguesa», afirmou.

Em 2015, Pequim assinou dez acordos de cooperação com o continente africano, nas áreas económica e comercial, durante o Fórum de Cooperação China-África, que se realizou em Joanesburgo.

A cimeira China-África irá contar com a participação de vários líderes africanos, incluindo os presidentes de Angola e Moçambique, João Lourenço e Filipe Nyusi, respetivamente.

António Guterres, secretário-geral das Nações Unidas, também irá participar.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Significado das próximas eleições para a Assembleia da República
Paulo Pisco
Deputado do PS
Incêndios rurais: prevenir é mesmo o melhor remédio
Miguel Freitas
Sec. de Estado das Florestas
Por um regresso seguro a casa
José Artur Neves
Sec. de Estado da Proteção Civil
DISCURSO DIRETO
Monumentos ao emigrante em Portugal
Daniel Bastos, Historiador
PORTUGAL
Defesa de nova visão sobre as comunidades portuguesas
José Luís Carneiro
PORTUGAL
Um eterno e constante devir....
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ