ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

A análise e conclusões do III Encontro de Investidores da Diáspora
Revista PORT.COM • 07-Jan-2019
A análise e conclusões do III Encontro de Investidores da Diáspora



O III Encontro de Investidores da Diáspora decorreu entre 13 e 15 de dezembro, no Pavilhão de Feiras e Exposições de Penafiel, e mobilizou cerca de 700 participantes, entre os quais muitos empresários da diáspora, provenientes de 35 países.

O III Encontro de Investidores da Diáspora decorreu durante três dias, em Penafiel, e reuniu mais de 700 participantes, incluindo membros do Governo e da rede diplomática portuguesa, deputados à Assembleia da República, autarcas, responsáveis de entidades públicas e representações empresariais de vários setores, nomeadamente agroalimentar, turismo imobiliário, novas tecnologias, energias renováveis, construção civil, indústrias do calçado e do vestuário, serviços financeiros, saúde, aeronáutica, comunicação social e economia social.

De destacar a presença de muitos empresários portugueses e lusodescendentes, provenientes quer da diáspora portuguesa, designadamente de 35 países dos 5 continentes, quer do território nacional.

O secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Luís Carneiro, classificou os Encontros de Investidores da Diáspora, promovidos na atual legislatura, como uma «aposta ganha» e como uma demonstração cabal da força da diáspora portuguesa e da sua importância para a inserção de Portugal no mundo global.

«Desde o primeiro encontro realizado em Sintra, que o Gabinete de Apoio aos Investidores da Diáspora acompanha de perto mais de 100 projetos de investimento, que hoje estimamos em mais de 100 milhões de euros com origem na diáspora portuguesa», destacou José Luís Carneiro, no encerramento da iniciativa.

«Estes eventos permitem pôr em contacto empreendedores do foro económico, associativo, cultural e científico das comunidades portuguesas com aqueles que estão nas diferentes regiões do nosso país. Procurámos também mostrar as oportunidades e as condições de investimento em Portugal, mas também criar redes de contactos entre empresários que têm a sua base nas respetivas regiões onde se realizam esses encontros como forma de apoio à internacionalização dos investimentos das micro, pequenas e médias empresas de todo o país», contextualizou José Luís Carneiro, que enalteceu todo o apoio e acompanhamento que a iniciativa tem merecido por parte do ministro dos Negócios Estrangeiros, do secretário de Estado da Internacionalização e da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal.

O membro do governo fez questão de destacar o «investimento, por parte de todos, na importância da diáspora portuguesa pelo mundo», realçando que «a diáspora é, de facto, o mais importante ativo na política externa e na afirmação de Portugal no mundo global».

O III Encontro de Investidores da Diáspora foi organizado pela Secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas, através do Gabinete de Apoio ao Investidor da Diáspora e da Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa, com o apoio da Câmara Municipal de Penafiel. A PORT.COM é o media partner oficial desta iniciativa.

 

Síntese das conclusões oficiais do III Encontro

Na abertura do primeiro dia de trabalhos, o ministro dos Negócios Estrangeiros afirmou, como uma marca de água, a centralidade das Comunidades Portuguesas na política externa de Portugal. Os portugueses no Mundo são um importante fator de integração global de Portugal e prestigiam o país em todas as sociedades de acolhimento. Referiu, nesse contexto, que deve existir um trabalho “em rede”, entre governo, rede diplomática e consular, autarquias e outras entidades, para que o país possa manter uma «relação viva e próxima» com a diáspora.

Destaque para as intervenções seguintes, a cargo de representantes dos Governos Regionais da Madeira e dos Açores, nas quais foi sublinhado o trabalho conjunto com o Governo da República no fomento do investimento da diáspora naquelas regiões autónomas, em particular através dos Encontros Intercalares de Investidores da Diáspora.

Leia as conclusões do Encontro na íntegra na edição de janeiro da Revista PORT.COM.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Significado das próximas eleições para a Assembleia da República
Paulo Pisco
Deputado do PS
Incêndios rurais: prevenir é mesmo o melhor remédio
Miguel Freitas
Sec. de Estado das Florestas
Por um regresso seguro a casa
José Artur Neves
Sec. de Estado da Proteção Civil
DISCURSO DIRETO
Monumentos ao emigrante em Portugal
Daniel Bastos, Historiador
PORTUGAL
Defesa de nova visão sobre as comunidades portuguesas
José Luís Carneiro
PORTUGAL
Um eterno e constante devir....
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ