ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Construtoras portuguesas procuram oportunidades nos EUA
Revista PORT.COM • 08-Abr-2019
Construtoras portuguesas procuram oportunidades nos EUA



As construtoras portuguesas procuram, todos os anos, oportunidades nos Estados Unidos. Em Newark, os empreendedores apresentam produtos inovadores e sofisticados para atrair negócios.

Os empresários luso-americanos do ramo da construção reuniram-se, pelo quinto ano consecutivo, em Newark (EUA), num seminário promovido com o objetivo de partilhar contatos e potenciar sinergias, intitulado “CENSE – Construction Entrepreneurs Networking Seminar” (Encontro Anual de Profissionais Luso-Americanos da Construção).

Através deste evento, várias empresas portuguesas do setor da construção procuram novas oportunidades nos Estados Unidos e os empresários aproveitam a introdução de produtos inovadores e de alta qualidade para atrair e desenvolver novos negócios.

«Nós somos uma das maiores empresas de produção, extração de rochas ornamentais em Portugal. E o mercado norte-americano é um mercado com enormes potencialidades, por isso faz todo o sentido estarmos presentes, para termos diálogos com os arquitetos e com os construtores», explicou à RTP António Pedroso, da empresa portuguesa Solancis. Por sua vez, Mário Gil realçou que a Ciclomol, com 20 anos de atividade, tinha como objetivo «tirar partido da vasta comunidade portuguesa, muito forte no setor da construção».

O certame aconteceu com o reconhecimento das autoridades públicas norte-americanas de Newark, no estado de New Jersey.

Em cada uma das quatro primeiras edições estiveram presentes cerca de uma centena de empresários e empresas de raiz portuguesa. Este ano, o número de empresários e investidores excedeu todas as expectativas, mostrando que o empreendedorismo português está em alta nos EUA. Em conclusão, a Media Consult, responsável pela organização, fez um balanço muito positivo das cinco primeiras edições do CENSE: «A importância do CENSE é cada vez mais evidente na comunidade empresarial luso-americana e, desde a sua primeira edição, já foram gerados mais de 50 milhões de dólares em trabalhos contratados. Por tudo o que foi alcançado nos últimos cinco anos e especialmente na última edição do CENSE, gostaríamos de agradecer a todos os participantes, patrocinadores e apoiantes por tornar este seminário um catalisador cada vez mais importante para a criação de oportunidades além-fronteiras».


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
A sua atitude de confiança conta: não só com o vírus...
Susana Cor de Rosa
Consultora empresarial
Os efeitos do medo do coronavírus...
Daniel Bastos
Historiador
Novo Coronavírus provoca epidemia com desfecho imprevisível
Alfredo Martins
Internista e Coordenador do NEDResp
DISCURSO DIRETO
A Fundação ISS e o apoio na África Lusófona
Eulalia Devesa, Diretora da Fundação ISS Mais Um Sorriso
PORTUGAL
«Cada vez faz menos sentido falar de emigração»
José Cesário, Deputado do PSD
PORTUGAL
O Projeto de Mobilidade na CPLP
Augusto Santos Silva, Ministro dos Negócios estrangeiros
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ