ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Consultora portuguesa George traça perfil aos mercados de emprego na Irlanda e Reino Unido
Revista PORT.COM • 21-Dez-2016
Consultora portuguesa George traça perfil aos mercados de emprego na Irlanda e Reino Unido



A empresa especializada na assessoria de executivos na procura de novos projetos profissionais em Portugal e no estrangeiro partilha informação sobre os mercados de emprego nas ilhas britânicas.

A GEORGE Recruiters & Career Change Consultants, empresa especializada na assessoria de executivos na procura proactiva de novos projetos profissionais em Portugal e em diversos países da Europa, África e Golfo Arábico, foi uma das dezenas de empresas apresentadas no “I Encontro de Investidores da Diáspora”, que decorreu nos dias 16 e 17, em Sintra. A consultora fundada em abril do ano passado, em Lisboa (onde se encontra sediada), partilhou com a Revista PORT.COM informação sistematizada dos mercados de emprego na República da Irlanda e Reino Unido.

 

República da Irlanda

Cerca 4.6 milhões de habitantes (um milhão e meio sediados em Dublin e 500 000 em Cork, a segunda maior cidade); Vivem no país mais de 5 000 portugueses, número que tem vindo a crescer); 13% de estrangeiros na população ativa (250 000 pessoas); Taxa de Desemprego: 9.3% (que tem vindo a decrescer significativamente); PIB cresce a 7%/ ano - "Fastest growing economy in Europe”; Salário mínimo: 1.400 €/ mês (9.5 €/hora); Considerada por diversas organizações internacionais "Best Country in the world to do business": Taxas máximas de IRC de 12.5% (diversas multinacionais conseguem taxas médias de 8%/ ano); 9 em cada 10 multinacionais de IT têm a sua sede europeia na Irlanda (Google, Apple, Amazon, Linkedin...); 8 em cada 10 multinacionais farmacêuticas e de Medical Devices têm sede europeia na Irlanda; mais de 1 100 multinacionais têm a sua sede europeia na Irlanda; Em 2015 o número de casas e carros vendidos no país bateu todos os recordes, o que espelha a prosperidade desse mercado; Este ano de 2016 a República da Irlanda comemora o seu 100.º aniversário; Presentemente, um elevado número de gestores de empresas prevê fazer diversas novas contratações - "Skills Shortage" (Tecnologias, R&D, Commercial and Digital Skills); Economia muito focada nos serviços e nas tecnologias de última-geração; O Estado Irlandês está a iniciar e a fazer diversas obras públicas de vulto (Autoestradas, metro de superfície em Dublin...); Os Irlandeses gostam muito muito de Portugal e prestigiam os quadros portugueses; Dublin concentra a clara maioria das multinacionais e negócios do país (cerca de metade dos novos empregos criados em 2015 foram-no na sua capital, apesar do Governo estar a incentivar as empresas a estabelecerem-se noutros polos, como Cork e Limerik); Irlanda é uma economia extremamente atraente para as multinacionais, em especial dos EUA, dados as suas atraentes taxas de impostos corporativas, mas também dadas suas ótimas ligações por via aérea e terrestre ao resto do mundo, qualidade dos serviços prestados pelas empresas locais, população ativa bem treinada em fluente em Inglês, entre outros fatores.

 

Reino Unido (Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte)

Cerca de 63,7 milhões de habitantes (incluindo mais de 700 000 portugueses e lusodescendentes); 40 000 cidadãos do Reino Unido residentes em Portugal (a maioria no Algarve); PIB per capita: 29.369€ (PIB cresce a 2,9%/ano); Taxa de Desemprego: 5,6%; 31 milhões de cidadãos empregados; mercado de emprego muito flexível e com grande apetência para a contratação de estrangeiros; Londres é uma das três principais capitais financeiras do mundo que representa cerca de 40% do PIB do Reino Unido; na City, zona financeira de Londres, mais de um terço da população ativa são estrangeiros das mais diversas nacionalidades (cerca de 20% a nível nacional); 5.ª maior economia do mundo; 11.º maior país exportador e 5.º maior país importador do mundo; Economia muito sofisticada, aberta e com alto poder aquisitivo; Presentemente, defrontam-se com importantes carências de quadros de Engenharia para empresas dos sectores de Oil & Gas, Aeronáutica, Tecnologias & Telecomunicações, Eletrónica, entre outras, assim como de Quadros Médicos. Salário mínimo: 7,20 Libras/ hora; Salário médio de um recém-licenciado: 17 500 Libras/ano.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Significado das próximas eleições para a Assembleia da República
Paulo Pisco
Deputado do PS
Incêndios rurais: prevenir é mesmo o melhor remédio
Miguel Freitas
Sec. de Estado das Florestas
Por um regresso seguro a casa
José Artur Neves
Sec. de Estado da Proteção Civil
DISCURSO DIRETO
Monumentos ao emigrante em Portugal
Daniel Bastos, Historiador
PORTUGAL
Defesa de nova visão sobre as comunidades portuguesas
José Luís Carneiro
PORTUGAL
Um eterno e constante devir....
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ