ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Governo português quer conhecer dificuldades da comunidade na Venezuela
Revista PORT.COM • 27-Jun-2018
Governo português quer conhecer dificuldades da comunidade na Venezuela



O secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Luís Carneiro, encontra-se na Venezuela para conhecer as dificuldades por que passa a comunidade portuguesa residente naquele país.

«O objetivo fundamental da visita, que ocorre pela quarta vez como é do conhecimento público, é o de, por um lado ouvir atentamente as preocupações que se tem vindo a acentuar de parte da comunidade portuguesa, nas suas múltiplas dimensões, nomeadamente dificuldades de natureza alimentar, medicinal e de saúde», disse à agência Lusa.

José Luís Carneiro, que tem encontros marcados com a comunidade residente em Valência (150 quilómetros a oeste de Caracas), explicou ainda que também quer ouvir os trabalhadores consulares.

«Destacaria também o encontro que teremos com várias instituições ligadas ao ensino do português, porque a língua constitui um fator de integração ou de desintegração em função do seu bom domínio», salientou.

Segundo o governante, «tem acontecido que muitos que regressam a Portugal e até a outros países de língua portuguesa têm dificuldades na língua portuguesa e essa dificuldade tem constituído um obstáculo ao regresso e à boa integração, razão pela qual também façamos da língua portuguesa um dos capítulos de trabalho desta visita».

«Tenho previsto, o que para mim é muito significativo, um encontro com vários luso-venezuelanos que são destinatários do Apoio Social para Idosos Carenciados e também de Apoio Social para Emigrantes Carenciados, dois instrumentos que o Ministério dos Negócios Estrangeiros tem com o Ministério do Trabalho e da Solidariedade e vou encontrar-me com estas pessoas que recebem estes apoios para procurar compreender as suas vidas, dificuldades, desânimos e esperanças e podermos ajustar todos estes instrumentos», frisou.

Por outro lado, espera «ajustar os instrumentos ligados à língua, aos serviços consulares e diplomáticos, nomeadamente a capacidade de resposta, que tem que ser mais célere porque por força da procura que tem vindo a acentuar-se, tem vindo também a acumular-se serviços nos postos consulares e é necessário encontrar respostas de celeridade que espero poder anunciar durante esta visita».

O secretário de Estado das Comunidades Portuguesas termina amanhã (28 de junho) a visita de trabalho de quatro dias à Venezuela e integra na sua delegação o diretor-geral dos Assuntos Consulares e das Comunidades Portuguesas, Júlio Vilela, e o presidente do Instituto Camões, Luís Faro Ramos.

 

Foto em destaque ©Global Imagens


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
A relação entre Portugal e a sua Diáspora...
José Luís Carneiro
Implicações políticas da participação eleitoral nas comunidades
Paulo Pisco
Deputado do PS
Porque não te calas?
José Caria
Diretor-Adjunto PORT.com
DISCURSO DIRETO
ENTREVISTA
Berta Nunes, secretária de Estado das Comunidades
PORTUGAL
ENTREVISTA
António Saraiva, Presidente da CIP
PORTUGAL
ENTREVISTA
Luís Faro Ramos, Presidente do Camões I.P.
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ