ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Governo português apela à população para evitar comportamentos de risco
Revista PORT.COM • 06-Ago-2018
Governo português apela à população para evitar comportamentos de risco



O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, apelou à população para evitar comportamentos de risco durante a onda de calor que vai afetar Portugal.

«Queria fazer um grande apelo à prática de comportamentos absolutos de prevenção», destacou.

Durante a visita ao Centro de Meios Aéreos de Loulé, Eduardo Cabrita pediu a todos os portugueses para «respeitarem todas as recomendações e limitarem qualquer comportamento de risco».

«Não fazer trabalhos agrícolas que propiciem o risco, não usar o fogo, não fazer churrascos, não fazer sardinhadas em zonas de floresta, não lançar foguetes em zonas de risco máximo ou muito elevado», sublinhou.

O ministro pediu ainda para que, nas áreas rurais e agrícolas, se suspendam os trabalhos que «envolvam utilização de máquinas que possam provocar ignições».

«A tolerância será zero. Estamos a fazer tudo em matéria de sensibilização, mas a orientação dada às forças de segurança é que, na sua atividade fiscalizadora, a tolerância será zero relativamente a comportamentos de risco».

Eduardo Cabrita realçou ainda que dos 6500 incêndios registados em Portugal entre janeiro e julho, 70% deveram-se a uso inadequado do fogo a queimadas ou outras formas de uso inadequado.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Cultura é a nossa marca distintiva
Graça Fonseca
Ministra da Cultura
Estudo pioneiro em Portugal
David Lopes
Administrador da FFMS
Mare Nostrum
José Caria
Diretor-adjunto da PORT.COM
DISCURSO DIRETO
Felicidade? Lusodescendentes em Nova Iorque
Jack Soifer, Consultor internacional
PORTUGAL
Direito de preferência: Proteção acrescida do direito dos arrendatários
Paula Costa, Advogada
REINO UNIDO
A todas as mães emigrantes: «Ser mãe fora de Portugal é…»
Susana Morais
FRANÇA
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ