ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Wolverhampton é uma das equipas de futebol mais portuguesas da Europa
Revista PORT.COM • 01-Ago-2018
Wolverhampton é uma das equipas de futebol mais portuguesas da Europa



Portugal é o país com mais jogadores do clube da Premier League.

A liga de futebol inglesa - Premier League - destaca-se por ser um dos campeonatos com maior presença de jogadores estrangeiros, totalizando 65% dos atletas.

O Wolverhampton, que foi o campeão da 2ª divisão na última temporada, é o clube inglês com mais lusos na equipa. Inclusivamente, tem mais do que o Porto, Benfica e o Sporting. Além dos jogadores, o Wolverhampton também tem um treinador português: Nuno Espírito Santo.

O clube inglês já tem quatro jogadores portugueses e gastou 21,6 milhões de euros nesse investimento.mO destaque vai para os jogadores que tiveram carreiras sólidas na Europa e na seleção portuguesa, como é o caso do guarda-redes Rui Patrício, que foi contratado ao Sporting, clube que defendeu por mais de 12 anos, 16 milhões de euros.

João Moutinho é outro jogador da seleção nacional que faz parte da equipa inglesa e foi adquirido por 5,6 milhões de euros. 

Além destes dois jogadores consagrados, Rúben Vinagre e o atacante Diogo Jota também foram contratados esta época, assim como Pedro Gonçalves. Da equipa já faziam parte Rúben Neves e os atacantes Ivan Cavaleiro e Hélder Costa.

 

Novo reforço português à vista

Segundo o site desportivo brasileiro 'Lance', o Wolverhampton pode estar prestes a reforçar a equipa com mais um jogador português. De acordo com o portal turco 'Fanatik', o clube está interessado em contar com o luso-brasileiro Pepe. Para que isso aconteça, o clube terá de pagar 7 milhões de euros.

Na equipa técnica, além do treinador que faz questão de falar sempre com os seus jogadores em português, o assistente técnico, o treinador de guarda-redes e o preparador físico também são portugueses.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Portugal hoje, um país que incentiva ao regresso
Paulo Pisco
Deputado do PS eleito pelos portugueses na Europa
De olhos postos em África com uma estratégia de futuro
Peter Dawson
Presidente do grupo Garland
Não há tempo para se perder tempo!
Vítor Ramalho
Secretário-Geral da UCCLA
DISCURSO DIRETO
O português que ajudou a 'erguer' as memórias do World Trade Center
Luís Mendes, arquiteto
ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA
«Mobilidade no espaço da lusofonia é um dos maiores desafios»
Teresa Ribeiro, SENEC
PORTUGAL
The last man on the moon
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ