ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

35 atletas portugueses convocados para os Europeus de Berlim
Revista PORT.COM • 03-Ago-2018
35 atletas portugueses convocados para os Europeus de Berlim



A Federação Portuguesa de Atletismo divulgou a lista dos 35 atletas portugueses, convocados para os Campeonatos da Europa de Atletismo, que arrancam na próxima segunda-feira, dia 6 de agosto.

Na lista divulgada está confirmada a presença das estafetas de 4×100 metros masculinos, com Portugal a figurar entre as melhores oito equipas europeias, e de 4×400 metros femininos, em que a formação nacional é a 16.ª das equipas inscritas, «uma escolha que é feita com base nos dois melhores resultados de cada um dos países no período de obtenção dos mínimos».

Entre os convocados está também o marchador João Vieira, o atleta masculino com mais presenças (cinco a par de Francis Obikwelu), de 1998 a 2014, e que poderá igualar o máximo absoluto, seis presenças, que pertence a Fernanda Ribeiro.

Três outras atletas, Inês Henriques, Sara Moreira e Patrícia Mamona vão para a sua quinta participação, esta no triplo salto, que terá pela primeira vez três representantes portuguesas.

Na mesma disciplina, mas em masculinos, vai estar Nelson Évora, apesar de não ter participado no Nacional de Clubes da I Divisão, por precaução, devido a uma pequena lesão.

Na prova, fora da convocatória está o atleta de origem cubana Pedro Pichardo, mas que consta nas listas finais publicadas pela Associação Europeia de Atletismo.

O presidente da Federação Portuguesa de Atletismo, Jorge Vieira, adiantou à agência Lusa que a inscrição preventiva de Pichardo foi feita “como segurança, dada as incertezas que ainda emanam das decisões tomadas pela Associação Internacional das Federações de Atletismo sobre os regulamentos das mudanças de nacionalidade”.

Na incerteza de ter regularizada a participação do recordista nacional do triplo salto, que adquiriu nacionalidade portuguesa em dezembro de 2017, a FPA efetuou uma pré-inscrição, que terá de ser confirmada até três horas antes da reunião técnica que antecede os Europeus.

“[Isto] para não sermos ultrapassados por uma decisão que nos prejudicaria, caso ele pudesse ser elegível”, clarificou Jorge Vieira, convencido de que “existe uma enorme probabilidade de ele não poder participar por Portugal já nestes campeonatos”.

Quanto aos restantes convocados, nota-se uma vez mais a ausência de meio-fundistas masculinos (Samuel Barata, nos 10.000 metros, é a exceção) e, no setor feminino, apenas os 10.000 metros têm representantes.

Devido à saída da convocatória de Filomena Costa, pela primeira vez desde 1982 Portugal não terá qualquer representante na maratona, em ambos os sexos.

O Sporting é o clube com maior número de selecionados (14), seguido do Benfica (13) e do Vidigalense (2). O Pechão tem duas convocadas e o CN Rio maior tem uma. Estreias com atletas na seleção são a Academia Fernanda Ribeiro e a Associação Novas Luzes, ambos com uma atleta cada.

Saiba quais os atletas convocados, na página da Federação Portuguesa de Atletismo.


Etiquetas
Partilhar

NOTÍCIAS RELACIONADAS
OPINIÃO
Significado das próximas eleições para a Assembleia da República
Paulo Pisco
Deputado do PS
Incêndios rurais: prevenir é mesmo o melhor remédio
Miguel Freitas
Sec. de Estado das Florestas
Por um regresso seguro a casa
José Artur Neves
Sec. de Estado da Proteção Civil
DISCURSO DIRETO
Monumentos ao emigrante em Portugal
Daniel Bastos, Historiador
PORTUGAL
Defesa de nova visão sobre as comunidades portuguesas
José Luís Carneiro
PORTUGAL
Um eterno e constante devir....
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ