ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Jovem invisual traz medalha de bronze do Mundial de surf adaptado para Portugal
Revista PORT.COM • 19-Dez-2018
Jovem invisual traz medalha de bronze do Mundial de surf adaptado para Portugal



Surfista portuguesa cega, de 13 anos, terminou a final nos EUA com 3,73 pontos.

A surfista portuguesa Marta Paço, de 13 anos, conquistou a medalha de bronze na classe AS-VI no Mundial de surf adaptado, que decorreu em La Jola, nos Estados Unidos.

Marta Paço, cega de nascença, terminou a final com 3,73 pontos, menos 11,11 pontos do que a vencedora, a britânica Melissa Reid.

A jovem surfista chega ao bronze no Mundial de surf adaptado um ano depois de começar a competir, em dezembro do ano passado, pelo Surf Clube de Viana do Castelo, como revelou à Surf Total antes de viajar para os EUA.

Marta Paço disse na altura que sentia «orgulhosa» pela chamada à seleção nacional de surf adaptado, algo de que "não estava à espera". E, desta vez, os nervos não colocaram obstáculos.

«No início eu ficava muito nervosa na competição, mas agora adoro a sensação de competir», afirmou.

Em entrevista à RTP, Marta Paço disse que estar na prancha e dentro de água a fazia sentir «muita liberdade», até porque «na água não há obstáculos». «O surf foi uma grande oportunidade para mim», frisou.

Na competição para atletas tetraplégicos, Nuno Vitorino terminou a final na quarta posição, a menos de um ponto da australiana Samantha Bloom, que foi terceira classificada.

Nuno Vitorino, que é também fundador da SURFaddict (Associação Portuguesa de Surf Adaptado), tornou-se no ano passado o primeiro português a participar no Mundial de surf adaptado.

Portugal esteve representado na competição, que decorreu na praia australiana de La Jola, pelos atletas Marta Paço, Nuno Vitorino e Camilo Abdula, que foi afastado nas eliminatórias.

O Mundial de surf adaptado, que contou com atletas de mais de 25 países, foi criado para dar aos surfistas com desafios físicos a oportunidade de participarem numa competição mundial.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Significado das próximas eleições para a Assembleia da República
Paulo Pisco
Deputado do PS
Incêndios rurais: prevenir é mesmo o melhor remédio
Miguel Freitas
Sec. de Estado das Florestas
Por um regresso seguro a casa
José Artur Neves
Sec. de Estado da Proteção Civil
DISCURSO DIRETO
Monumentos ao emigrante em Portugal
Daniel Bastos, Historiador
PORTUGAL
Defesa de nova visão sobre as comunidades portuguesas
José Luís Carneiro
PORTUGAL
Um eterno e constante devir....
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ