ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Mário Patrão na Arábia Saudita a postos para o Rali Dakar
Revista PORT.COM • 04-Jan-2020
Mário Patrão na Arábia Saudita a postos para o Rali Dakar



Mário Patrão, piloto apoiado pelo Crédito Agrícola, e que integra a KTM Factory Racing, já se encontra na Arábia Saudita, pronto para avançar para a sua sétima participação no Rali Dakar.

Juntamente com os seus companheiros de equipa, procuram conquistar a 19ª vitória para o team vencedor das últimas 18 edições.

A equipa tem vindo a realizar um conjunto de testes e a adaptar-se ao solo e deserto da Arábia Saudita. Mário Patrão tem-se dedicado aos últimos ajustes na KTM 450 Rally com a qual vai disputar a 42ª edição da prova suprema do TT mundial, a primeira que se disputa no país asiático.  As habituais verificações técnicas e administrativas já arrancaram e vão decorrer até dia 4 de janeiro, a anteceder o arranque da competição que terá lugar no dia 5 de janeiro em Jeddah.

O piloto apoiado pela BAHCO, que em 2016 venceu a classe maratona e concluiu o Dakar, no 13º lugar, gostaria de repetir o feito, mas confessa «que a exigência da prova é grande e o fator sorte também é um condicionante enorme. Este ano vamos disputar a prova num país com uma cultura e organização política e legislativa muito diferentes».

«É também necessário ter alguma atenção a esses detalhes culturais tão distintos e que são fundamentais para que tudo corra da melhor maneira. Estivemos a fazer alguns ajustes à mota e alguns testes em solo árabe. Estamos prestes a partir rumo ao grande desafio para o qual nos preparamos durante a temporada 2019», refere o piloto.

«Na Arábia Saudita há dunas que são autênticos arranha-céus. A dificuldade é acrescida. Sinto-me fisicamente preparado. Vamos ver como corre. Agradeço aos meus patrocinadores todo o apoio incondicional. Sem eles não era possível estar aqui, a cumprir esta minha sétima participação no Rali Dakar. A eles o meu muito obrigado», adianta Mário Patrão também patrocinado pela Lusíadas Saúde que vai ostentar o dorsal nº 31.

Esta edição contará com algumas particularidades, nomeadamente, o roadbook do Rali Dakar será a cores de modo a facilitar a sua preparação por parte dos pilotos. Haverá também pelo menos quatro etapas em que o roadbook será distribuído apenas na manhã, antes de arrancarem para a especial cronometrada.

Existirá uma etapa super-maratona, para motos e quad (a segunda do Dakar) em que os pilotos terão apenas 10 minutos para reparação e manutenção das máquinas na chegada ao bivouac em Neom. Haverá ainda uma outra etapa maratona em Shubaytah, com assistência autorizada apenas entre competidores. 

Mário Patrão, também apoiado pela Grab&Go, arranca para a competição amanhã, 5 de janeiro, dia em que se disputa a primeira etapa, em Jeddah, de 752 quilómetros, 319 dos quais disputados ao cronómetro.

A jornada de abertura vai contar com muita variedade de pisos e vai colocar os pilotos das motos em contacto com algumas das principais dificuldades da Arábia Saudita, num percurso que vai oscilar entre pistas rápidas, mas também sinuosas, dunas e muitas pedras.

 


Etiquetas
Partilhar

NOTÍCIAS RELACIONADAS
OPINIÃO
Os efeitos do medo do coronavírus...
Daniel Bastos
Historiador
Novo Coronavírus provoca epidemia com desfecho imprevisível
Alfredo Martins
Internista e Coordenador do NEDResp
InPortugal 2020 Paris quer desenvolver nova rede de embaixadores
Ricardo Simões
Diretor do InPortugal
DISCURSO DIRETO
A Fundação ISS e o apoio na África Lusófona
Eulalia Devesa, Diretora da Fundação ISS Mais Um Sorriso
PORTUGAL
«Cada vez faz menos sentido falar de emigração»
José Cesário, Deputado do PSD
PORTUGAL
O Projeto de Mobilidade na CPLP
Augusto Santos Silva, Ministro dos Negócios estrangeiros
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ