ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Taça do Mundo de downhill com mais de 200 atletas na Serra da Lousã
Revista PORT.COM • 27-Fev-2020
Taça do Mundo de downhill com mais de 200 atletas na Serra da Lousã



A primeira prova da Taça do Mundo de downhill, vai ser disputada na Serra da Lousã, dias 21 e 22 de março, contando com a participação de mais de 200 atletas de vários países.

«Serão momentos de boas e grandes emoções», disse o presidente da Câmara Municipal da Lousã, Luís Antunes, ao intervir na conferência de imprensa de apresentação da prova, que decorreu ontem (26 de fevereiro) no salão nobre dos Paços do Concelho.

O autarca, que estava acompanhado do presidente da Entidade Regional de Turismo do Centro, Pedro Machado, e representantes de outras entidades envolvidas na realização da etapa inaugural da Taça do Mundo de downhill, salientou que milhares de pessoas deverão visitar o concelho e a região antes e durante a prova, entre atletas, membros das equipas técnicas e adeptos.

A previsível afluência elevada de pessoas «ultrapassa a oferta da Lousã», no distrito de Coimbra, na área do alojamento, disse.

«É com orgulho e satisfação que seremos palco deste grande evento mundial», que deverá ter impacto significativo «na promoção direta do concelho», realçou Luís Antunes.

As restantes oito etapas da Taça do Mundo da modalidade decorrerão, entre 2 de maio e 6 de setembro, na Eslovénia, Croácia, Reino Unido, Andorra, Canadá, Itália, França e Áustria.

De forma indireta, segundo o presidente da câmara municipal, a realização, nos trilhos da Serra da Lousã, contribuirá para «potenciar o valor deste território alargado» da região Centro, que reúne uma centena de municípios, entre os rios Douro e Tejo.

Pedro Machado disse que esta é mais uma oportunidade de reforçar «o crescimento da atividade turística», na perspetiva de «prolongar a estadia média» dos visitantes na região: «46% dos turistas que vêm para o Centro são estrangeiros», sublinhou o líder da Turismo Centro de Portugal.

Para isso, na sua opinião, contribui «a capacidade de gerar grandes eventos de nível internacional» em modalidades o desporto aventura, como o BTT, mas também em provas de automobilismo, como o Rali de Portugal, que em maio, pelo segundo ano consecutivo, regressa a Lousã, Arganil e outros locais do distrito de Coimbra.

A sessão incluiu a assinatura de um protocolo entre a autarquia e o Montanha Clube, que gere o Louzanpark – Centro de Desportos de Aventura, que funciona em Cacilhas, nos arredores da vila, com apoio da ADXTUR- Agência para o Desenvolvimento Turístico das Aldeias do Xisto e do município da Lousã.

O documento prevê a cedência pela Câmara de materiais para obras no valor de 2.500 euros.

Além da Mercedes Benz e outras marcas, apoiam ou de alguma forma estão envolvidas na organização local da Taça do Mundo de downhill a Turismo Centro de Portugal, a Secretaria de Estado da Juventude e Desporto, a Federação Portuguesa de Ciclismo e a rede turística Aldeias do Xisto.

Na sessão, intervieram ainda Rui Simão, da ADXTUR, Elisabete Vaz e João Martins, do Montanha Clube, e Duarte Marques, da FPC.


Etiquetas
Partilhar

NOTÍCIAS RELACIONADAS
OPINIÃO
Os efeitos do medo do coronavírus...
Daniel Bastos
Historiador
Novo Coronavírus provoca epidemia com desfecho imprevisível
Alfredo Martins
Internista e Coordenador do NEDResp
InPortugal 2020 Paris quer desenvolver nova rede de embaixadores
Ricardo Simões
Diretor do InPortugal
DISCURSO DIRETO
A Fundação ISS e o apoio na África Lusófona
Eulalia Devesa, Diretora da Fundação ISS Mais Um Sorriso
PORTUGAL
«Cada vez faz menos sentido falar de emigração»
José Cesário, Deputado do PSD
PORTUGAL
O Projeto de Mobilidade na CPLP
Augusto Santos Silva, Ministro dos Negócios estrangeiros
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ